Amigos

quinta-feira, março 25, 2010

O Diário de Bronson (08 - 30 Dias De Propósito)

No princípio, Bronson disse “basta de engorda”. Naquele instante vivia um momento crítico; ia ao sabor da glutonaria e já pesava “98.55 kg”, com 1.80 de altura; era um recém obeso, ajustava um IMC* de 30. Bronson mudou de atitude, e viu que a reeducação alimentar era bom; e fez separação entre a disciplina e a indisciplina; Bronson almoçou sólidos num prato de sobremesa e jantou praticamente líquidos num prato de sopa. Minguou a sobremesa e fartou-se de folhas. Tomava mais água, limonada, chá, e comia umas poucas torradas nas ceias para não dormir com fome; comia mais frutas; respeitava os horários e, por conseguinte, os intervalos das refeições. Errava ocasionalmente, caia, erguia-se e seguia.
Na quarta semana da reeducação, Bronson, corria três vezes por semana cerca de trinta minutos por vez; e pedalava outras duas vezes, os mesmos trinta minutos; e fazia musculação também três vezes por semana, por trinta minutos inclusive. Bronson subiu à balança sem muita confiança e desceu com um novo fôlego de esperança. Era o primeiro mês de reeducação alimentar e de hábitos de vida mais saudáveis a que se entregava. Bronson agora pesava “95 kg”, exibia um IMC de 28.3, era novamente um feliz sobrepeso, porém não acomodado, não conformado. Queria ser magro. Queria vestir sem aperto a calça verde que não abotoava de modo algum, queria limpar o rosto da barba do início do propósito, queria ser magro para nunca mais engordar por descuido, queria poupar suas articulações judiadas pelo excesso de carga, queria nunca mais responder por sobrepeso (o indeciso entre magro e o obeso; como dizia).E vendo Bronson que havia feito boas coisas, e que havia iniciado um caminho vitorioso, foi para casa, e contou a Frida. Frida que o esperava; havia preparado tutu à mineira, torresmos, carne de porco na panela, farofa dourada na manteiga, couve fatiada bem fininha, arroz branco feito na banha, ovos caipiras fritos, e bebidas bem geladas.
Bronson apanhou seu prato de sobremesa com resignação, serviu-se com a moderação que vinha usando com freqüência quase absoluta, tomou para si uma taça pequena de bebida doce e gelada, comeu por sobremesa uma laranja fatiada e terminou sua refeição, e aguardou que Frida também terminasse; elogiou os belos e deliciosos pratos, e isso lhe pareceu ter deixado Frida um tanto constrangida, meio sem graça. Bronson estava satisfeito naquele almoço, satisfeito de verdade.
*IMC (índice de massa corpórea)

37 comentários:

  1. Acompanhando rs.
    Creio q agora a vontade está prevalecendo.
    Tadinha da Frida,acho q dessa vez ela ñ conseguiu dividir a gulodice com o marido rs.
    Parabéns,gostei muito.
    Uma linda noite.
    beijokas.

    ResponderExcluir
  2. Parabéns ao Bronson, resistir a tentação(para quem gosta de refeições gordurosas) que são os pratos da Frida. Eu teria fugido só de ver a refeição.

    Jeferson, adoro o Diário do Bronson, uma ótima e importante idéia escrever sobre reeducação alimentar.

    Abraço cheio de PAZ.

    ResponderExcluir
  3. A Frida bem que podia me convidar pra esse jantar... hummm, amo muito tudo isso! Comida mineira é sem palavras... hehe

    Estou a acompanhar a história guri... sempre por aqui... beijos.

    Obs: Estou melhor do resfriado. Obrigada pela preocupação. Qto ao abraço, sei que o desejo é sincero... e me conforta saber... obrigada guri. És um guri e tanto... bom te conhecer, mesmo por aqui!

    ResponderExcluir
  4. Solange, sei não, minha amiga! Bjs. Jefh.

    Pérola, a gulosa Frida jamais desiste. Não duvide, Pérola. Abraço e um lindo dia!

    Dóris, corra da Frida, Baby, corra... (sorrio). Obrigado por seu lindo apoio; é de extrema importância o seu incentivo; conto com ele. Abraço!

    Tati, comida mineira é o bicho.
    Obs. Fico feliz que esteja legal; o resfriado sara e a perda... Fico feliz em ter a sua consideração. Gosto muito de você desde que comecei a te ler. Abraço confortante!

    ResponderExcluir
  5. Oi bom dia que bom o Bronson Parece feliz!!!! E vc como está. Fazia tempo que não vinha te ver, mas não esqueci de vcs não. Beijos.

    ResponderExcluir
  6. Muito boa a sua história, mas ae é difícil hein? O cara tava se alimentando direitinho até deu uma emagrecida e depois a mulher ae faz um monte de comida gordurosa numa pancada só ae não dá, umas tres vezes que ele comer assim a sua dieta vai para o espaço. Tenha um ótimo FDS, quando puder dê uma passada lá no meu blog, abçs.

    ResponderExcluir
  7. Minha vida é como a de Bronson, erros e acertos alimenticios e força de vontade ilimitada e assim como ele também uma sabotadora inconciente em casa!
    Mas vamos levando afinal a vida é uma história!

    Aline

    ResponderExcluir
  8. Uma brincadeira interessante com a maneira de jogar as palavras e montar as frases.
    Valeu a pena a leitura
    Moon

    ResponderExcluir
  9. Eliane, sentimos sua falto por aqui. E que bom que veio! Estou bem, o Bronson também. (sorrio). Beijos.

    Daniel, não há cavalheiro que se consagre sem antes enfrentar grandes dragões. (sorrio). Abraço e muito obrigado pelo espirituoso comentário!

    Aline, olho na sabotagem, força na vigilância e boa que vamo! Abraço e obrigado!

    Moon Baby ou Lua Nova, obrigado por sua visita e comentário. Grande abraço!

    ResponderExcluir
  10. Os homens entraram na era da conscientização da saúde. que através da mídia, torna-se um modelo saudável ou não. Depois de emagrecer, haverá de ter a consciência da moderação sem exageros.

    Escravos das dietas, não. Procura pela saúde, sim. Mas não é isso que a mídia propaga e muitas vezes lares são destruídos, crianças não querem mais se alimentar, enfim é uma bola de neve que pode explodir.

    Belo relato!

    Abraços

    Mirse

    ResponderExcluir
  11. Adorei a participação na enquete!!
    Seja sempre bem vindo!!!

    ResponderExcluir
  12. tá, vou passando e lendo com calma pra entender seu estilo de escrita. Tenho que ler os posts passados para entender os recentes.

    ResponderExcluir
  13. O que somos? Somos apenas o que fazemos de nós ou que deixamos fazer. Apenas nossa vida, e que isso nos baste na estrada da vida. Assim penso um existencialista, eu.

    Agradeço a visita!
    Abraço
    http://pensamentosifragmentos.blogspot.com

    ResponderExcluir
  14. Minha imensa gratidão por seu carinho e afeto em meu blog, eu estou em viagem acabei de chegar no Japão, assim que der um tempinho venho te ler, acho que vou ficar te seguindo e perseguindo aki...rs volto outro dia com tempo.obrigada.
    com caarinho
    Hana

    ResponderExcluir
  15. ''Olá Amigo Jefh Boa Noite!
    Vim agradecer a sua visita ameu link
    e tambem pelo o lindo comentario!
    muito obrigado, pela a genteleza e
    o carinho!
    Um grande Abraço a tí!
    Ate breve...

    ResponderExcluir
  16. Olá

    Obrigada pela sua visita e pelo belo poema.

    Já o guardei!

    Voltarei para dar uma volta com calma pelo seu "cantinho"

    Bjs.

    ResponderExcluir
  17. Mirse, obrigado por seu forte e consciente comentário. Creio que todo que ler este sairá pensando nas palavras que disse. Abraço e um ótimo domingo para você e para os seus!

    Mary Doce Pecadora (sorrio, pois estou brincando), muito obrigado! Foi um prazer participar. Abraço!

    Karolina, ficarei aguardando esse seu criterioso comentário. Espero que goste. Abraço!

    Alan, meu amigo existencialista, vamos pensando. Pensemos. E muito obrigado por existir e ser atencioso conforme é. Abraço e obrigado por seu apoio a esta casa de idéias!

    Hana, Japão é? Que loucura isso! Quando tiver um tempo me conte tudo. Quero saber como é aí onde está. Abraço!

    Meu caro amigo Guerreiro, sou eu quem lhe agradece. Abraço e aguardo!

    Mona Lisa, obrigado pelo cuidado e pela atenção! Aguardarei-lhe. Abraço!

    ResponderExcluir
  18. oi, jefhcardoso.
    gostei da história.

    até mais.

    abraços.

    ResponderExcluir
  19. Vim pagar a sua visita. Desejo-lhe sucesso. Escrever é a arte da solidão compartilhada - compartilhemos.
    Abraço.
    Gregório Vaz

    ResponderExcluir
  20. Olá, primeiramente obrigado pela visita, não incomodou, imagine, fico feliz em conhecer novos espços e gostei do seu. Te sigo e linko. Voltarei, quero saber mais detales dessa luta constante pela diminuição do IMC rsrs... Bem vindo a guerra. É feia viu rsrs... Mas como bons aquariamos que somos teremos muita criatividade na mesa... espero! Gde abraço!

    ResponderExcluir
  21. Olha, sei que me deu fome e água na boca...

    E olha, deixa eu ser mais uma incentivadora!

    ResponderExcluir
  22. Oi Jefh, vim agradecer sua visita e seu comentário carinhoso.

    Olha, vou voltar amanhã para ler sobre o Diário de Bronson, sabe como é domingo, visitas, almoço, tudo mais, temos que dar atenção e não sobra quase tempo, mas é bom...rsrs..

    Um bom domingo para você e família.

    Beijos

    ResponderExcluir
  23. ganhou mais uma seguidora haha, me segue tambem?

    ResponderExcluir
  24. Olá Jefh !
    Obrigado por visitar Xanadu/poesias.
    Gostei muito do seu espaço aqui, identifiquei-me muito com o Bronson (rs).

    Abraços
    Tácito

    PS - Já estou te seguindo!

    ResponderExcluir
  25. Incrível construção de texto, Jefh. Adorei o diário. Já passei por tudo isso e consegui me livrar do sobrepeso com a reeducação alimentar. Mas a poesia de uma costela com couve fininha, torresmos e arroz branco na banha às vezes ainda me comove. rsrsrs

    Beijomeupravocê

    ResponderExcluir
  26. Olá!
    Aceitei seu convite deixado em meu blog, e vim conhecer seu espaço. Adorei os textos!
    Mas será que o Bronson, não podia pelo menos fugir do regime apenas em uma refeição do dia; e ter agradado a Frida que teve tanto trabalho para preparar tantos pratos para ele??? Poxa, preparar esses pratos da um trabalho danado, tanto quanto resistir a tentação. Será que ele realmente saiu satisfeito daquela mesa???
    Bjks

    ResponderExcluir
  27. Vc? Esculachar é um verbo, um verbo. Não sei ao certou se esculachou. Mas vc rasgou o verbo. e o rasgou com elegância. Autenticidade objetiva que simplesmente brotou de sua subjetividade. Seria esculachar?
    Gostei do texto.
    Abraço. Estarei mais vezes por aqui.

    ResponderExcluir
  28. Olá Jefh,

    De antemão gostaria de agradecer a visita e o comentário, em seguida peço desculpa por não ter postado o seu comentário, mas é que vc o fez no post do sorteio que está acontecendo nesse momento e sim assim o fizer vai criar uma certa confusão no momento de conferência do mesmo.

    Fico feliz que vc tenha chegado até o meu blog.

    Respondendo a sua pergunta, sou um tanto suspeita pra falar se gosto de literatura, sou formada em Letras e a leitura é algo que me fascina.

    Estarei sempre por aqui e fico feliz em vê-lo em meu blog sempre que possível.

    Abraço,

    Lu Oliveira.

    ResponderExcluir
  29. É torturante ler essa saga do Bronson.

    E voce judia mais ainda, ao colocar um menu, que me deixa aqui com água na boca...rs

    Tinha que ser um jantar tão tentador?

    Bronsom demonstra uma impressionante força de vontade, mas que dá uma peninha dá...


    Beijos!

    ResponderExcluir
  30. Lita Duarte, fico feliz que tenha gostado. Espero que volte. Abraço e obrigado!

    Gregório Vaz, bela definição! Guardarei com carinho. Compartilhemos. Abraço e obrigado!

    Renato, melhor não criar muito; vai que surgem vontades calóricas. Obrigado, muito obrigado por toda sua atenção e cuidado. Fico honrado. Forte Abraço!

    Walkyria, apreciadora da culinária mineira, venha. Seja muito bem vinda. Sou mais feliz agora. Abraço e muito obrigado!

    Marize, curta os seus. Isso é o que mais importa. E quando tiver um tempinho livre gaste-o aqui. Isso também é importante, ao menos para mim. (sorrio). Abraço e uma ótima semana para você!

    Fernanda Meloni, sigo-te. (sorrio). Abraço e muito obrigado!

    Valeu Tácito! Eu também me identifico demais com o Bronson (sorrio). Muito obrigado por seu cuidado e atenção. É uma honra para esta casa ter mais um poeta na jornada. Abraço e muito obrigado, amigo!

    Sylvia, essa poesia nos mata de amores. É mesmo irresistível. (sorrio). Abraçomeupravocê!

    Andréia Sant’Anna, esse Bronson é mesmo um ingrato. (sorrio). Obrigado pela deliciosa visita; espero que continue de olho no Bronson. Abraço e muito obrigado!

    Arthur Alter, é bondade sua; pura bondade. Fico muito grato, amigo. Grande abraço e lhe espero para as próximas postagens!

    Ow Lu Oliveira! Por que não me deixou participar no sorteio uai? Seria a mais pura sorte. (sorrio). Espero lhe ver outras vezes por aqui a enriquecer o meu espaço. Abraço e muito obrigado!

    Ava, pobre Bronson! Vai ficar que é só pele e osso deste jeito, coitado. (sorrio). Abraço e muito obrigado!

    ResponderExcluir
  31. jefh, obrigada pela visita ao meu blog.
    Gostei do seu!
    Quanto a esse menu de comida mineira, realmente, tem que ter muita força de vontade prá resistir.
    Sou de Minas Gerais, e considero a culinária mineira a melhor do Brasil. Pena que seja tão "engordiet" como eu às vezes digo brincando.
    Sempre me disseram que eu sou "magra de ruim", e realmente, é difícil se conservar magra com tantas tentações deliciosas. E olha que ainda nem citei as sobremesas e o nosso delicioso pão de queijo... coisa de louco!

    Um abraço e tenha uma ótima semana.

    Cid@

    ResponderExcluir
  32. Cida, se for para falar das delicias da cozinha mineira essa conversa não acaba mais, uai. (sorrio). Muito obrigado por sua atenção e por seu delicioso comentário. Tenha uma ótima semana. Abraço!

    ResponderExcluir
  33. Vim te deixar umm abç fraterno.
    Fique à vontade lá no Eu-lírico!

    ResponderExcluir
  34. Olá, Jefh: custei um pouco, mas apareci e agradeço pelas suas visitas tão gentis.

    Seu texto fala, de uma maneira leve e engraçada da luta de um gordinho para emagrecer. A luta é grande.

    Porém, ouvi – e não faz muito - uma entrevista com um médico da área, explicando que as células dos obesos são como um chip, estão programadas para serem gordas. Por isso que se vê tanta gente que faz dietas, engordar tudo novamente. A conhecida gangorra. Mas voltando ao Bronson, coitadinho... fazer um regime ao lado da Frida? Todo o gordinho quer um acompanhante para seus devaneios gastronômicos. Quem adora cozinhar, fazer essas maravilhas da Frida... magro não é! E taí o Bronson...
    Deixo-lhe meu outro blog, o Porto das Crônicas, está no perfil.
    Bjs
    Tais luso

    ResponderExcluir
  35. Eurico, agradeço pelo convite. Já fui e fiquei muito à vontade; espero que não o tenha incomodando. (sorrio). Abraço!

    Tais Luso, obrigado por sua deliciosa visita e pelo convite. A vida do Bronson ao lado da Frida não é nada fácil. Ai do Bronson! Abraço e muito obrigado! Irei ao Porto das Crônicas. Ok?

    ResponderExcluir
  36. Muy buen post. Un placer leerte. Felicitaciones! Un abrazo.

    ResponderExcluir

Comente. É isso que o autor espera de você, leitor.

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails