quarta-feira, janeiro 20, 2010

Vôo do Pensamento


Poema para falar,

Expressar,

Manifestar:

Santa linguagem poética que nos permite dizer sem explicar!

E que seja poema a minar da alma;

Alma empreendida no versar;

Poesia que nos visita e nos faz isso ou aquilo,

Poetas ou poemas.

Pessoas comuns a falar do sentimento,

A colocar sentido no vivido,

Vida no sentido.

E que voe livre o verbo escrito,

Ainda que a mão a pena seja dum cativo,

Pois como pássaro no vôo pensamento é livre.

40 Comentários:

Blogger Lua disse...

"colocar sentido no vivido,
Vida no sentido."
Lindo, gostei demais.

E adorei sua analogia sobre meu conto viu?! hehhe e logo postarei a proxima parte =)

Volte sempre, beijos!

20 de janeiro de 2010 19:13  
Blogger Sandra Helena Queiróz Silva disse...

Olá Jefh!

Vôo do Pensamento

Com propósito de direcionar
nosso imaginário além de nós.
É desta forma que vôo além de mim.

Beijos de Luz!

21 de janeiro de 2010 04:18  
Blogger S.C. disse...

" Sim, todas as memórias são lindas... porque as boas, conseguimos manter... as ruins, suavizamos com o tempo, fazemos delas poesia... "


adoro ler-te

mil beijos poéticos pra vc

=))

21 de janeiro de 2010 04:43  
Blogger AP disse...

Gostei do poema!! O meu pensamento voa tantas vezes..uuiii.

UmBju
Andreia

21 de janeiro de 2010 05:46  
Blogger jefhcardoso disse...

Lua, obrigado por vir e trazer sua luz contigo! Obrigado pelas palavras e estou aguardando a continuidade de seu conto. Abraço!

Sandra Helena, é tudo isso e muito mais que isso. Obrigado e beijos de luz!

(S.C), obrigado por vir e muito me honra seu gosto por meus escritos. Comemoro isso, é novo e mágico para mim, receber este carinho. Abraço!

Andréia, é isso aí: asas para quem sabe voar (sorrio). Beijo!

21 de janeiro de 2010 06:07  
Blogger Sαbrinα disse...

Talvez não seria nada, sem esse poder, que é escrever. *-*

21 de janeiro de 2010 06:32  
Blogger - Suri * A menina sem cérebro * disse...

Olá de novo ' =D

Eu gostei do poema '

Meu pensamento muitas vezes
tem até asas '
ksaokasokas '

Eu Voo longe [Voo sem acendo agora ;P]
kasokoask '

As vezes morro de rir com meus pensametos
ksaokaso '

Mas é legal '

A gente se diverte com coisas
que só nós pensamos e talvez ninguém consiga
decifrar ' ;D

Beiijoos ' =*

21 de janeiro de 2010 13:07  
Blogger Paulo Braccini disse...

agradecendo e retribuindo o carinho da visita, confesso que já estou por aqui já há mais de uma hora, a sorver cada código de sílabas, de palavras, de frases, de paráqrafos, que traduzem todas as suas emoções e sentimentos ... uma viagem e tanto querido Jefh ...

voltando muitas e muitas vezes ... seguindo e linkando ...

o que é bom vale realmente a pena, pois nossa vida é sempre este contraditório: "colocar sentido no vivido e vida no sentido."

magnificamente belo ...

bjux

;-)

21 de janeiro de 2010 13:56  
Blogger RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Voando no seu poema amor não se prende aprender*
Beijos mil************************
Muito obrigada.
Alôha!
Renata

21 de janeiro de 2010 14:27  
Blogger Duanny!. disse...

Pensamentos e vento, uma mistura boa.
gostei do poema!

;D

21 de janeiro de 2010 14:32  
Blogger Priscila Rôde disse...

Livre na prisão da mente.

21 de janeiro de 2010 15:02  
Blogger Nana disse...

Oláa...estou retribuindo a visita...
e dizendo que adorei seu blog...
estou te seguindo!!
bjooo

21 de janeiro de 2010 15:31  
Blogger Tati Rodrigues disse...

'... nos permite dizer sem explicar... pois como pássaro no vôo, pensamento é livre'

amei! de verdade Jefh! Amo poesia, e ainda mais qdo surge assim de repente, expontâneamente... e sentir torna-se tão mais colorido, mais livre né?

prossigamos então guri. até.

21 de janeiro de 2010 15:44  
Blogger jefhcardoso disse...

Sabrina, obrigado por vir e comentar. Abraço!

Suri, que bom que voltou (sorrio)! Espero que venha muitas vezes trazer o seu pensamento por estas paginas a que deito palavras. Abraço!

Paulo, muito obrigado, amigo. Foi muito generoso o seu comentário. Queira vir sempre. Será um grande prazer vê-lo por aqui. Abraço!

Renata Maria, estou feliz por te ver aqui. Abraço!

Duanny!, que bom que gostou; abraço!

Priscila Rôde, obrigado pelo comentário. Abraço!

Nana, muito obrigado por vir e seguir. Fiquei muito feliz!

Tatia guria, que legal essa troca de pensamentos! Sabe que lhe gosto muito? Gosto muito de seus textos e de sua pessoa expressa neles. Prossigamos. Prossigamos...

21 de janeiro de 2010 16:07  
Blogger Mariana Andrade. disse...

e poeta é ser bem livre, quando escreve sobre o livramento. pois quem versa se faz verso, e vive nele (:
gostei daqui.

21 de janeiro de 2010 16:57  
Blogger Tati Rodrigues disse...

Sim Jefh... prossigamos... hehe

Então, deixei um selinho lá no blog pra ti... depois passa lá e pega guri. Não sei vai gostar... rsrs (agora eu que rio aqui)

Até.

21 de janeiro de 2010 17:07  
Blogger Anita disse...

linda poesia....passei aqui e te deixei a resposta solicitada, láááá no post do dia 9....retribuindo a visita!!!

abraço!!!
Anita

www.audreydisse.blogspot.com

21 de janeiro de 2010 17:39  
Anonymous Anônimo disse...

E que bom que o pensamento é livre, isso nos salva.
Gostei muito daqui, voltarei mais vezes.

21 de janeiro de 2010 19:10  
Blogger Renato de Melo Medeiros disse...

Jefh,
Seguindo-te,,, acho interessante que a recíproca seja mútua:)
No abraço a liberdade que é eterna em nossas r/evoluções.
Renato

21 de janeiro de 2010 19:50  
Blogger Tania Girl disse...

Sim, com toda certeza pensamento é livre.. ainda bem né??Ou talvez não...
obrigada pela visita ao meu blog, espero que volte mais vezes e eu farei o mesmo..
bjos

22 de janeiro de 2010 02:42  
Blogger T. disse...

"o espirito sem limites é o maior tesouro do homem" desculpe, mas achei apropriado :p

22 de janeiro de 2010 05:43  
Blogger Renata disse...

Qe bonito !!
Gostei daqui sim !
Beijos

22 de janeiro de 2010 09:19  
Blogger Isabel Ruiz, disse...

Olá, Jefh.
Nada melhor que voar nas asas do pensamento, por sobre os labirintos da memória, resgatando as pequenas alegrias e as grandes marcas que o tempo nos provocou e traduzir em palavras essa infinidade de sentimentos. É mágico!
Abraços
Bel

22 de janeiro de 2010 13:07  
Blogger Juliana Dias disse...

Pensamentos são livres e as palavras são eternas.

Adoro seu blog. Grande abraço!

22 de janeiro de 2010 15:21  
Anonymous Anônimo disse...

Jefh, que todos seus sentidos sejam muito bem preenchidos e o satisfaçam para que nunca deixes de sonhar.
Um bom final de semana
Beijos

22 de janeiro de 2010 20:05  
Blogger jefhcardoso disse...

Marina Andrade, belas palavras! Obrigado! Gostou daqui? Então fique, e não saia mais. Abraço!

Tati, obrigado por sua sempre atenção! Irei sim buscar o selinho; será como um selo de apreço que receberei com muito carinho e orgulho. Abraço!

Anita, quem gosta de Pessoa e Neruda não precisa de muito mais. Voltarei sim ao seu blog, e espero que seja pessoa constante aqui. Abraço!

Bruna Bianconi; volte sim; me agrada muito sua presença. Abraço!

Renato de Melo, obrigado por sua atenção, acompanhamento. Tenha certeza da recíproca. Será um grande prazer. Abraço!

Tânia Girl, viva a liberdade que há em você! Viva! Volte sempre. Abraço!

(T.), não há motivo para se desculpar; é verdade o dito. Beijos!

Renata, que bom que gostou! Volte sempre. Abraço!

Isabel Ruiz, magia é a palavra de ordem. Magia de viver. Abraços!

Juliana Dias, liberdade. Que bom que adora meu blog. Adoro você. Abraço!

Regina Goulart, obrigado pelo sincero desejo que me dedica! Bom final de semana para você. Beijos!

22 de janeiro de 2010 20:31  
Blogger HSLO disse...

É a primeira vez que passo por aqui e confesso que gostei muito do seu blog. Voltarei outras vezes.


Vou te linkar lá em meu blog.


abraços

Hugo

23 de janeiro de 2010 05:59  
Blogger cantinho she disse...

Olá! Passando pra te conhecer e gostei muito daqui... lindo o seu post e amei as estrofes abaixo...

"Pessoas comuns a falar do sentimento,
A colocar sentido no vivido,
Vida no sentido."

Beijinhos!
She.

23 de janeiro de 2010 08:53  
Blogger jefhcardoso disse...

Hugo, volte sempre e obrigado pela alusão ao meu link em seu blog! Abraço!

She, obrigado! Venha mais vezes. Abraço!

23 de janeiro de 2010 11:50  
Blogger Sandra Ribeiro disse...

Que lindo, nunca é demais escrever sobre a capacidade de unir palavras e fazê-las poesias, gostei demais Jefh!

23 de janeiro de 2010 13:34  
Anonymous Jéssyca Menezes disse...

gostei desse, muito lindo

2 de fevereiro de 2010 17:24  
Blogger jefhcardoso disse...

Sandra, que bom que gostou! Obrigado por vir e um forte abraço!

Jéssyca, muito obrigado e um abraço!

21 de fevereiro de 2010 09:00  
Anonymous Anônimo disse...

Fico imaginando o q seria de mim sem os poemas.
Poemas q falam por nós e q muitas vezes ñ podemos manifestar por alguma razão.
Me ajudam no anonimato a demontar o q sinto e isso é fantástico.
Bela postagem.
Parabéns.
beijos.

16 de março de 2010 18:15  
Blogger jefhcardoso disse...

Que voem então os pensamentos nas asas dos poemas! Bjos.

19 de março de 2010 18:48  
Blogger pega ai! disse...

bela poesia muito bom ler o seu blog
é uma inspiração cada palavra.. ^^

22 de abril de 2010 17:10  
Blogger jefhcardoso disse...

Amigo, obrigado por seu generoso comentário. Grande abraço!

22 de abril de 2010 21:51  
Blogger ღPat.ღ disse...

Assim nasce a poesia... do livre pensar e sentir.
Beijos.

24 de abril de 2010 19:05  
Blogger jefhcardoso disse...

Pat, obrigado por sua atenção. Abraço!

26 de abril de 2010 18:14  
Blogger Nyce Pinto. disse...

Oi amigo/menino, como é bom estarmos com a família,felizes e cuidando de nós mesmos e também dos nossos amados...Voltei a pouco de um Seminário "A pedagogia de Jesus", Nosso Amigo Maior, foi muito lindo!!! Nós cuidamos da parte que é da nossa responsabilidade e ELE sempre cuida de todos! Linda mensagem aqui li hoje:

" Poetas ou poemas.

Pessoas comuns a falar do sentimento,

A colocar sentido no vivido,

Vida no sentido."

Um grande abraço a você, sua Andréa, filhinhos!!! Que o Amigo maior abençoe!

18 de setembro de 2011 13:24  
Blogger B.Stella disse...

Creio que poeta todos somos quando acordamos numa manhã onde o orvalho ainda escorre pelas folhas, e os raios de sol invade sem pedir licença os galhos da árvore.É verdade, é a poesia que nos visita! Ótimas palavras!

20 de março de 2012 19:40  

Postar um comentário

Comente. É isso que o autor espera de você, leitor.

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial