Amigos

sexta-feira, setembro 14, 2012

O BURACO DO COLCHÃO

Felício, sem um motivo para ti ela partiu, é verdade, é fato, porém, sem um motivo para ela, não partiria... E se não fosse o motivo, Felício, ah! como ela lhe fazia bem nesta vida, amigo. E você agora nem alcança o motivo dela ter ido, não é mesmo? Triste isso. Infeliz. Paga o preço do omisso aquele que é apenas distraído. Nada é justo, em se tratando disso. Talvez ela tenha acumulado motivos como quem guarda o dinheiro para a passagem de ida de moeda em moeda com o troco do primeiro pão do dia, de troco em troco de pão. Se fosse o trigo do pão, diria ter sido de grão em grão, sem gastar vintém, sem despender tostão.

A alegria dos últimos dias, Felício, o que lhe fez pensar ser um gozo de felicidade plena essa sua vidinha, era o que você via enquanto Helena estrangulava um a um os bichos que lhe devoravam o riso para cumprir o papel de feliz ao seu honroso lado, meu caro.

Felício, você foi lento no ponderar. O que foi isso? Não se deixa dormir tanto a quem se quer acordada. E se Helena gosta da palavra gerânio, não seria o caso de, ao invés de decorar a sala com as flores que levam por nome o verbete, decorar sim o quarto todo e as orelhas da bela com a palavra em natura, sussurrada? Plantando flor por flor ali nos ouvidos e regando com saliva na concha auricular da moça, antes mesmo que o último murchasse. Gerânios por todos os lugares. Gerânios em paz.

E foi Berenice, a diarista, quem primeiro viu o imenso abismo que havia ao centro da cama do casal. Uma imagem surreal, aterradora. A patroa fugitiva cavou um buraco que teve início na superfície do colchão, sob os lençóis, e varou a cama, alcançou o chão, adentrou pelo solo e foi dar em um túnel que se comunicava com outro buraco do outro lado do logradouro, distante da casa do casal. Por ali, ela ganhou a liberdade numa fuga silenciosa e, paradoxalmente, espetacular.

Felício, melhor continuar encenando mesmo o teatro do feliz. Ficará bem quando inventar outro ato. Dê folga à Berenice por dois ou três dias, ou uma semana, ou um mês. Helena desistiu definitivamente do seu espetáculo e está bem mesmo estando mal em outro trabalho onde ela terá maior destaque, visibilidade e identificação, entende?

36 comentários:

  1. Que habilidade para traduzir o cotidiano. Impar!
    Gde abraço e obrigado.
    Dyjalma Bassoli

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado, meu mestre! Fico feliz e honrado por sua generosa presença aqui. Um grande abraço!

      Excluir
  2. Olá Jefh!! Surpreendente. Seu blog de cara nova, sua escrita com tamanha verossimilhança. Abçs!!

    ResponderExcluir
  3. http://www.youtube.com/watch?v=057_Nj6Dpyg

    ResponderExcluir
  4. Tua escrita me encantou e moveu coisas na minha imaginação . Gostei muito!
    Abraços

    ResponderExcluir
  5. Olá Jefh
    já estou me acostumando a esperar por um conto seu no final de semana...

    Quanto a este de hoje:- E agora Felício?

    OBS: Conheço uma historinha parecida com esta que, a propósito, foi magistralmente romanceada, parabéns!

    ResponderExcluir
  6. Bom dia Jefh! Obrigado pela visita ao meu blog. É um belo conto, gostei...na minha opinião, uma separação, não só deixa um imenso buraco no colchão, como tambem no coração. bjnhos.

    ResponderExcluir
  7. Ações são importantes, mas aliadas as palvras são fundamentais, oh, Felício, você deveria saber disto.

    Parabéns pelo blog, adorei o que li.

    Abraços

    ResponderExcluir
  8. muito bom!!!escrita maravilhosa,,muito legal!!

    ResponderExcluir
  9. Ler um texto tão bem escrito é sempre um alento para a alma. Parabéns! Continue cultivando o belo talento dado por Deus. Posso escolher um texto seu para publicar (com os devidos créditos) no SUPER-RECOMENDO (http://super-recomendo.blogspot.com.br)???

    ResponderExcluir
  10. O seu modo peculiar de escrever
    encanta.

    ResponderExcluir
  11. Vai Felício! E vai Jeffão! Estes seus textos são ótimos e com temas nada batidos...

    []s

    ResponderExcluir
  12. Obrigada por visitar meu blog Jeferson! E a proposito, é um belo conto! Está de parabéns! (:

    ResponderExcluir
  13. Jeferson,

    Obrigada pelo seu simpático comentário na minha postagem "Escândalo?!?!" do BIA BOTANA' NEWS & OPINION (biabotananews.blogspot.com). Foi um prazer enorme conhecer esse seu blog com textos tão deliciosos, já me coloquei como seguidora e lógico estará recomendado em todos meus blogs. São 5, quando tiver tempo convido você a surfar um pouco neles.

    Abração e Parabéns pelo seu sucesso,

    Bia

    ResponderExcluir
  14. tenha uma excelente semana amore
    tudo de bom pra vc
    super beijo
    www.coisasdeladdy.com

    ResponderExcluir
  15. Interessante sua mensagem. Beijocas
    http://bonequinhadepixe.blogspot.com

    ResponderExcluir
  16. Obrigada, por deixar seu cometário em meu blog...
    Muito bom o texto, parabéns!!!

    ResponderExcluir
  17. Oi Jeferson, obrigada pela visita!
    Muito bonito seu texto. Parabéns!
    To seguindo aqui.

    Beijos

    Jaqueline - Meus livros, meu mundo.

    ResponderExcluir
  18. Como consegues? Não, não quero saber, se não fico com ainda mais inveja. :) Continue!!!

    ResponderExcluir
  19. Retribuindo sua visita ao meu blog!:)
    Sua forma de escrever, faz de seus contos, baseados em fatos cotidianos, uma obra prima literária ímpar, que faz com que nós leitores, desenvolvamos a pratica da interpretação de texto, nos pondo a pensar.Gosto disso... Simplesmente fascinante! Parabéns e voltarei sempre que puder. Sucesso sempre!
    bjsss
    Obs: quando puder, volte a visitar o meu blog.Grata!:D
    http://mulheresvenusianas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  20. muito legal...tem personalidade...gostei...sucesso pra vc...

    ResponderExcluir
  21. Retribuindo a visita
    Muito bom o seu blog!!

    Mayra
    http://cantinho-da-mayra.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  22. Olá vim conhecer seu blog e me encantei tanto que ja estou seguindo, convido vc e suas seguidoras a me seuirem tbm maniasdasu@blogspot.com!!! grande bj

    ResponderExcluir
  23. OLÁ JEFERSON..VIM CONHECER SEU ESPAÇO..ME ENCANTEI..MARAVILHOSO..TOCA O CORAÇÃO..PARABÉNS E OBRIGADA POR ME VISITAR E DEIXAR SEU COMENTÁRIO E PRINCIPALMENTE POR TER GOSTADO..ISSO É UM INCENTIVO VINDO DE UMA PESSOA INTELIGÊNTE E DE BOM GOSTO COMO VOCÊ..PARABÉNS PELO SEU BLOG..LINDO MESMO..ABRAÇOS

    ResponderExcluir
  24. Vim agradecer sua visita em meu blog. Que profundo seu cantinho, parabéns, um abraço.
    http://nossascoisasdemulher.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  25. Olá Jefh estou retribuindo sua visita e aproveitei para ler o seu blog e gostei muito, tenha um ótimo dia...
    beijo :*

    ResponderExcluir
  26. Muito bonito seu texto, e parabéns pelos seus três anos.

    ResponderExcluir
  27. Caríssimo.
    Agradeço a sua visita ao meu humilde blog e a oportunidade de conhecer o seu rico modo de escrita.

    Parabéns pela clareza e sutil sensibilidade.

    "Paga o preço do omisso aquele que é apenas distraído". Essa frase serve a todos os DDAH e aos DDA do planeta, além de toda a mensagem que serve a todos.

    Continue no caminho das letras e me dê a graça de ter sempre a sua visita.

    Bjks!
    Bia Fernandes

    ResponderExcluir
  28. Olá Jeferson.
    Vim conhecer seu blog e agradecer pelas belas palavras. Gostei muito deste texto e este Felício, desculpe usar uma palavra chula, mas que vasilão, não é anormal isso acontecer no mundo real, muitas pessoas acham que ao conquistar não precisa ficar cultivando o relacionamento sempre, ainda mais mulher que é todo coração e ainda ficar disfarçando com uma falsa felicidade.
    Três anos de blog, nossa!!! O meu tem apenas um aninho, fico imaginando você há três anos na virada do ano criando este blog e pelo que li navegando em vários post, valeu a pena não é mesmo? Será que em três anos estarei escrevendo tão bem assim? Sonhar não custa nada, rsrsrs. Parabéns pelo blog.
    Um abraço.
    Eternamente VV

    ResponderExcluir
  29. Olá Jeferson, boa noite!

    Você me visitou em meu blog, e fiquei feliz com a sua presença por lá, e como faço sempre, vim retribuir a visita, e eis que encontro um belo blog com um texto super interessante e diferente. O tema é bem mesmo o que ocorre na realidade com os distraídos, que não percebem a felicidade bem próxima de si mesmo, e só dão valor , quando a perdem.

    Voltarei mais vezes!

    Feliz noite de sábado pra você e sua família!

    Bjos da Lu...

    ResponderExcluir
  30. Olá obrigada pela visita no meu blog, agora só falta seguir. Com o mesmo carinho visitei seu blog, e amei. Uma escrita diferente, gostei muito e vou passar sempre por aqui. Parabéns!!!!!!!!!!!!!!!! e....Juízo na Cachola.

    ResponderExcluir
  31. Bahhhh... ESSE eu a-m-e-i!! (identificação, por certo, mas mais que isso... algo que ainda não sei, mas volto pra te dizer quando digerir...)

    Enquanto isso posso te sugerir a leitura de um texto meu? (esse é meu mesmo... o do limão faz parte do momento que estou vivendo, e estou interessada em me manter saudável, mas não é meu...)

    http://gota-na-poca.blogspot.com.br/2012/04/monologo-da-sombra.html

    Abraços!

    ResponderExcluir
  32. Obrigado por visitar meu blog, achei muito interessante o seu blog e suma importância, com o seu pedido, para voltar a postar, pode deixar, vou continuar, quero renovar cada dia as palavras, tenha um ótimo dia!

    ResponderExcluir
  33. Olá ,muito obrigado por visitar meu blog.Também lhe fiz uma visita e por sinal achei muito interessante.Já me serviu com aquele conto maravilhoso.Tenha uma boa tarde!

    ResponderExcluir

Comente. É isso que o autor espera de você, leitor.

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails