sexta-feira, fevereiro 20, 2009

A NOITE


A Noite


A noite é minha amiga intima
Mora na rima dos poetas e também na minha rima
Esconde em si a claridade quando devora o dia
Dama fresca, dona do silêncio que tanto amo
Possuidora da escuridão que tanto me assusta
Generosa, mostra-me todo céu numa face oculta.
Envolve todas as casas em seu longo véu de luto;
Esta de preto todo dia,
A quem honras com teu supremo luto?
Eternamente nos abriga nessa redoma de negrura.
O perfume é sereno em tua chegada,
Mas ao partir o aroma do orvalho é quem perdura.
Geniosa, anda eternamente brigada com o dia!
Trava com firmeza a batalha do crepúsculo,
E ao alvorecer, vem a promessa de uma nova luta
As cidades apaixonadas se enfeitam somente para ver-te,
Luminares erguem em tua homenagem
Você olha tudo com naturalidade,
Acho que beira o descaso;
Letreiros, luzes, avenidas, vitrines, carros e mais carros;
Tudo, tudo busca agradar-te.
A noite é minha melhor amiga,
Nela confio o meu sono mais profundo,
Retribui-me carregando o cansaço para não sei onde neste mundo
Faz-me sonhar os sonhos que jamais ambiciono em vigília diurna.
Deus Pai Celestial de nós todos;
Vá, e enfia a mão em seu pote milagroso,
Lança sobre a tela negra as pedrarias azuis
E se a noite for de luar...
Noite, dama caprichosa,
Diversa lua apresente;
Vista hoje tua filha mais bela completamente,
Ou deixe meio busto reluzente,
Como a um ombro sobressalente,
Noite amiga, noite profunda;
Num véu escuro esconda a princesa lua,
E ainda assim reine sobre a alma do poeta,
Sobre no sonho do romântico,

E traga descanso ao trabalhador enquanto durma.

8 Comentários:

Blogger  disse...

o meu amigo, que lindo poema, como a noite é linda, traçada por você, nos faz realmente ver como é ... bonita, misteriosa, cativante...sim você nos faz refletir.... bjs...Rô

26 de fevereiro de 2009 05:40  
Blogger jefhcardoso disse...

Obrigado minha amiga Rosângela. É sempre com muita alegria que vejo um comentário seu. Você me motiva com sua energia e amizade. Comentários como os seus me fazem bem a alma com que escrevo, me dão vontade de escrever sempre mais e com mais alma. Obrigado!

3 de março de 2009 16:40  
Blogger 4tdireitofafram disse...

Lygia Fagundes Telles disse...
"Ninguém abra a sua porta para ver o que aconteceu.
Saímos de braços dado.
A noite escura e mais eu"
Só não lembro o nome do livro pois são centenas que já li na minha longa época (mais de 4 anos) prestando MERDICINA
Abraço Étore.

10 de março de 2009 17:22  
Blogger matheus disse...

Matheus Costa
esse poema e fenomenal,lindo de mais parabens por esse talento que vc tem abraço amigo

8 de maio de 2009 03:35  
Blogger Ma Ferreira disse...

Jef..vc falou da noite de maneira tão bonita.
Gosto muito quando vc escreve poesias. Escreva mais!!!


O amor é uma agonia
Vem de noite, vai de dia
É uma alegria
E de repente
Uma vontade de chorar


Vinicius de Moraes


Ma Ferreira

3 de abril de 2011 13:48  
Blogger Ma Ferreira disse...

Jef..obrigada pelo comentário tão carinhoso em meu blog.
Vc disse que não se considera poeta nem escritor.
A próxima vez que vc escrever algo desse tipo, vou "ficar de mal pra sempre" de vc.
Deus te deu um DOM. Cuide bem dele!! O mundo é mais colorido com a sua escrita. Vc é sim, poeta, escritor, gente.

Ma Ferreira

3 de abril de 2011 18:49  
Blogger Nyce Pinto. disse...

Querido amigo Jefh! Gosto de visitar tuas páginas, como já repeti várias vezes, sempre aprendo...As crônicas são sempre muito bem elaboradas, pensadas, carinhosamente construidas, mas quando você inventa de escrever poemas, poesias...tua esposa que me perdoe, mas fico apaixonada (risossss...) Linda noite...mistérios e sonhos!!! Fica com Deus e UMA MARAVILHOSA NOITE!

2 de agosto de 2011 15:46  
Blogger Sirlana Lima disse...

Muito lindooo!Parabéns

18 de junho de 2012 11:42  

Postar um comentário

Comente. É isso que o autor espera de você, leitor.

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial