Amigos

domingo, março 11, 2012

O INFERNO SEGUNDO CONSTA

Agora e sempre, toda essa gente na hora e no lugar do costume pra dizer e fazer saber as mesmas coisas do costume. Elas andam, param, pensam, dirigem e tudo transcorre num ir e vir costumeiro e, de certa forma, improvisado.

E eu, não sendo isento ou diferente ou indiferente ao costume, aqui estou. Preso dentro desta caixa de vidros, plásticos e metais que é meu pequeno veículo. Uma nave rastejante sobre o asfalto. Uma lesma que ao rastejar, ao invés de visco, deixa uma quase sempre imperceptível marca de borracha impressa na superfície do solo por onde passa.

E em horário de trabalho eu trabalho. Sou um trabalhador honesto e honrado. Todavia confesso que em meu tempo de descanso eu cometo o ato vil de escrever e contar coisas que deveriam muitas vezes perecer no imaginário. Computador? Somente depois das dezoito ou dezenove horas. Neste teclado não ponho os dedos antes que todas as minhas tarefas sejam vencidas. Mas hoje fujo à regra e cometo uma exceção. Não se trata simplesmente de um rascunho imagético, uma experiência quase sobrenatural, mas sim de um fenômeno da natureza do universo que suplanta e engole a limitada natureza humana. É uma situação extrema.

Você que me lê, o caos bate à sua porta e rompe através dos portais. Venho no meio da tarde trazer a epístola que anuncia o fim do mundo que já começou sei lá quando e só agora eu fiz perceber. O apocalipse previsto por João. Não soaram trombetas inaugurais para cada qual tentar com suas unhas e dentes uma oração redentora de todos os pecados condenatórios. Aqui estamos compartilhando de minha perplexidade óbvia e ululante.

E era pra ser apenas mais uma tarde quente de trabalho como muitas que aqui incendeiam enquanto vamos ocupados de mais com nossos afazeres. E bem no meio da tarde, num horário que as imagens a céu aberto adquirem uma coloração amarelada como se víssemos tudo através de um negativo de foto, um efeito sépia, eu vi o Nefasto. O calor atingiu níveis tão insuportáveis a nós humanos que outras criaturas se sentiram libertas para circular à luz do dia e por entre nós tratar de seus interesses hediondos, odientos e odiosos. E nós, que trabalhamos sob a opressão dos poderosos grilhões do calor a envolver nossos punhos e tornozelos, sabemos que este tipo de acontecimento amiúde é o prenúncio do fim dos tempos, o sinal, o prefácio apocalíptico.

Indo daqui ali, e ‘daqui ali’ você que escreve sabe que nunca vem ao caso, eu fiz uma parada diante do semáforo aceso em vermelho como brasa. Levemente sufocado, sem ligar o ar condicionado do carro da empresa, pois sou alérgico (e eu não estaria pictoricamente detalhando tais coisas se não fosse por querer, de certa forma, ajudar os que me lêem a enxergarem com clareza a gravidade do fato). E foi nestas circunstâncias que, ao acender o sinal verde, sem se importar com os carros engrenados e já acelerando em progressão, Ele saltou diante de todos e atravessou à passo largo. Um forte cheiro nauseabundo de fumo e enxofre se desprendia de sua capa e roupas pretas invadindo o interior dos carros e dos estabelecimentos comerciais imediatos. As faces se contorciam ao inalar o odor ácido. A imagem encheu-me de assombro e terror. O Diabo atravessou a frente de meu carro e eu quase o atropelei. Deu um soco no capô, encarou-me, pude ver seus olhos vermelhos e a origem de seus córneos frontais. Seguiu rumo á margem oposta. Entrou por uma loja onde à porta se via uma vendedora muito bem equipada ociosa, mascando chicletes e escorada no batente. Deu-lhe um selinho e entrou. A moça entrou logo atrás. Eu segui com o carro e não vi mais nada. Paro na primeira porta de lan house e anuncio o fim que está próximo. Esta tarde fez o tal calor dos Diabos.

Obs. O meu nome é Constantino Bonaparte e sou um pseudônimo do autor do blog, mas podem me chamar de Consta.

60 comentários:

  1. Oi Consta ! Que imaginação hem! Cheguei a sentir medo!(sorrio ) Brincadeira. Vc como sempre tem idéias fantásticas. Parabéns! Muito criativo por sinal! Um bom domingo! Abraço

    ResponderExcluir
  2. A fantasia, a capacidade de criar, a literatura como forma de transpor as brutalidades de um cotidiano tido como normal. Excelente escape e um deleite ao entrar em contato com o imaginário/ideario do Outro. :) caso vc não conheça procure O Direito a liteatura de Antonio Candido. Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pela atenção da visita e pelo carinho da indicação. Guardarei comigo. Beijo!

      Excluir
  3. Do caldeirão do inferno fervo com o "demo" no calor das emoções da sua profética crônica de verão mesclada com o fim dos tempos... Valeu, Consta!
    Abraço,Célia.

    ResponderExcluir
  4. Gosto muito da forma como escreves. Faz-nos pensar no cotidiano inimaginável, mas de certa forma presente na nossa vida. Parabéns pela sua criatividade! Abraço

    ResponderExcluir
  5. A BUENO,TAMPOCO ES APRECIADO MI COMENTARIO,DISCULPAME,NO LO SABIA
    SALUDOS
    LIDIA-LA ESCRIBA



    MI BLOG ESTÁ ACTUALIZADO,POR SI TIENES GANAS

    ResponderExcluir
  6. Pois esse calor só pode anunciar o final dos tempos... adorei!!! beijo

    ResponderExcluir
  7. Eheheheh... Constantino? Como o da graphic novel?

    http://pt.wikipedia.org/wiki/John_Constantine_%28Hellblazer%29

    http://www.rpgonline.com.br/livroshqs.asp?id=832

    Seguem referências.

    Abs,

    Guilherme.
    (Pra variar... EXCELENTE TEXTO!!!)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não, não, não. Isso é coisa caseira, literatura doméstica mesmo... [sorrio] Valeu, brother! Forte abraço!

      Excluir
  8. adorei, tudo! o texto, a forma como conduziu..mto legal!
    Bjs
    Grazi♥
    www.legadodamoda.com.br

    ResponderExcluir
  9. OLÁ JEFERSON!
    PARABÉNS PELA CRIATIVIDADE, GOSTEI MUITO DO SEU BLOG, DA MANEIRA QUE VC ESCREVE, VALEU!

    ÓTIMA SEMANA!

    ResponderExcluir
  10. Jefh....

    caramba...me ajuda a comentar este texto..
    eu juro que saio do freezer um pouco antes de vc chegar, pra descongelar..combinado??
    agora..o diabo dando selinho..arrasou!!

    bjs.Sol

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E não é que o Diabo é mesmo descolado [sorrio] Eu nem havia notado 'º~º'

      Excluir
  11. Olá Sr. "Consta" (sorriooo) como tem passado? Quando eu era uma "guria" ouvia minha vó dizer que eu tinha uma mania de "inventar moda", isso pela imaginação que era fértil, inventava estórias de tudo que via... Se ela tivesse conhecido esse "guri Jefh/Consta, ai sim teria como dizer que era um grande inventor, criador, professor, intuitivo, um talentoso escritor! Grande abraço e parabéns pela imaginação, pela criação, mas acima de tudo pelos exemplos de homem de caráter! Felicidades amigo e a todos teus amados! (Olha aqui em Bagé também: "Esta tarde fez o tal calor dos Diabos.")

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E não é que Bagé também viu o Diabo, tchê?! [sorrio] Obrigado, linda! Seu carinho agrada minha alma. Beijo!

      Excluir
  12. Adorei, siga em frente, você é bom, abrs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado, Léa! Você é muito gentil. Um beijo!

      Excluir
  13. Oi Jeferson!!! Adorei e achei muito diferente, escreve muito bem carambaaaa. ... Mas você não tomou chá de cogumelo né?! Adorei!!!!

    Pede ai para o pessoal ir ao meu Blog também ... Sheilinha é Cultura Inutil ... que faz muito bem ao espirito e ao coração.
    bobagem.divertida.blogspot.com

    Beijão

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Certo. Espero que todos vizitem o seu blog, linda. Obrigado pelo carinho da atenção. Quanto ao chazinho, não tomei não. Tomei café e água mineral, só. Abraço!

      Excluir
  14. Alô jefh blz.?
    vim admirar seu trabalho!
    tem vez que o inferno esta bem perto de nós, né?
    é só a meneira de ver as coisas ruim.

    ****************
    um forte abraços. Guri!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu, Osmar! Sempre mandando bem. É isso aí. O inferno é aqui também [sorrio]. Abraço, amigo!

      Excluir
  15. Que maravilha de texto! Gostei do blog!

    ResponderExcluir
  16. oii Jefh.. obrigada pelo carinho no blog..
    fique a vontade pra visitá-lo sempre que quiser ;)

    bjo bjo
    brechozinhoo.blosgpot.com

    ResponderExcluir
  17. Texto interessante e reflexivo. As vezes estamos tão ocupados que esquecemos de parar um pouco e refletir sobre tudo aquilo que nos cerca. Parabéns pelo texto. Boa escolha.

    ResponderExcluir
  18. Muito obrigada por sua visita!!! Verei seu blog com carinho também!!! Ana

    ResponderExcluir
  19. Rapaz muito legalo texto parabéns mesmo...queria saber se vc autoriza a postarmos ele em nosso site? www.arteeriso.com.br

    Sim, e vamos adiciona-lo ao nossos parceiros...abraço Jardeu Amorim
    Cia. Arte e Riso

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Jardeu, será um prazer. Fique à vontade, amigo. Um grande abraço e até breve!

      Excluir
  20. Jeferson, vc realmente traduz em palavras aquilo que está perto de nós e não paramos pra enxergar e compreender.
    Agradeço seus comentários no meu blog, é muito importante pra mim.
    Abrs Nona Celina

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu! Muito obrigado! Você é muito gentil. Um grande abraço!

      Excluir
  21. O mundo precisa estar alerta sobre as guerras espirituais que vivemos diariamente e buscar o conhecimento que vem do alto.
    Ótima idéia Jeferson Cardoso!
    Parabéns!!!

    ResponderExcluir
  22. eu acredito em tudo que fora dito aqui isso não me assusta pois eu o vejo as vezes em empreitas,até nos sonhos chego a acordar esses dias atras cheguei a ser jogada para fora da cama e foi um tombo horrível...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Éh... Não é fácil não. É preciso muita calma nessa hora, muita oração, muita fé... Abraço!

      Excluir
  23. Ontem, aqui, também o inferno se fez presente, não na presença do Nefasto mas, em seu calor horrendo.

    Hoje os anjos nos rodeiam e deixam verter sua graça em forma de chuva fina e constante, é o clima ameno que nos faz respirar com prazer, e acreditar que tudo tem sempre um lado bom, afinal é o calor em excesso que nos faz valorizar estes dias úmidos e frios.

    Adorei o Texto.

    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E eu adorei o seu texto no texto. Obrigado! Um grande beijo!

      Excluir
  24. Até onde me consta, até onde minha mente encosta, até onde sua história exposta... Muito bom! Nem sempre o Inferno segundo Sartre!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Uau! Fico mais rico assim. Grande Sartre! Beijo, linda! Obrigado por vir!

      Excluir
  25. Olá amigo, adorei sua visita e vim retribuir!
    Adorei o texto, pois retrata nossa realidade atual!
    Tua imaginação voa solto, mas retrata bem os dias que vivemos, seja na violência ou na revolta atual da natureza.
    Pois aqui no Sul esse calor horrendo.
    Adorei!

    Apareça sempre! Abraço.

    ResponderExcluir
  26. Realmente...Acho que ja estamos no inferno hahaha!
    Muito boa a sua história.Ja estou seguindo.
    beijos

    www.lamourmoda.blogspot.com

    ResponderExcluir
  27. Oi Jefh
    O diabo promove o caos e sai de cena sutilmente com um "selinho"... vai ver, estava até docemente perfumado... perigoso, né???
    Muito bom este texto!

    ResponderExcluir
  28. Obrigada pela visita ,ainda sou nova nessa coisa de blog ,sou iniciante,mas porem estou gostando e gostei muito do seu ele é interessantemente curioso ,algo que envolvi mistério e gosto disso .
    boa noite

    ResponderExcluir
  29. "Todavia confesso que em meu tempo de descanso eu cometo o ato vil de escrever e contar coisas que deveriam muitas vezes perecer no imaginário"
    Sua escrita é muito boa, a escolha das palavras que nos remetem sensações... Apesar de o tema não chamar a minha atenção em particular, sua escrita me incentiva a ler até o final, isso é ótimo =)
    Prometo quando tiver um tempinho, ler com calma mais dos seus escritos...
    Ótimo fds a ti!

    ResponderExcluir
  30. Eu acho que estou a ser repetitiva mas a culpa é sua: mais um texto delicioso de se ler.

    ResponderExcluir
  31. Oi Jefh
    Vim fazer um convite especial, para que você visite o Blog:"Ostra da Poesia" leia e se gostar dê o seu voto em minha poesia, que está concorrendo ao 6ºPena de Ouro.
    http://ostra-da-poesia-as-perolas.blogspot.com/
    Lembre de deixar o link do seu blog quando for votar o nome da poesia e meu nome.
    Poesia: Pensamentos
    Autora: Roseli Rosa
    Dia para votar 17 de Março(hoje).
    Deixo meu agradecimento de coração.
    Beijo carinhoso
    Rose

    ResponderExcluir
  32. Boa noite Jefh!!!
    Hoje fiquei com medo da sua história.
    Credo em cruz.
    Mas fala sério, pensa:
    Mulheres na porta de casa: - Aff, não aguento mais varrer estas folhas.
    Homens: Esses meninos vivem aqui na sombra a fazer bagunça na minha porta.
    Enfim, vão cortam as árvores e o calor está aí. Nada de Diabo, nós somos os demônios que destruímos a natureza por puro capricho.
    Estava com saudades...
    Tenha um final de semana feliz e um ótimo domingo.
    Bjokas...da Bia!!!

    ResponderExcluir
  33. Obrigada por visitar o meu Blog JARDIM PRECIOSO. Gostei muito do seu Blog. Você escreve muito bem. Como você eu também amo o meu Blog. Ultimamente não tenho tido muito tempo para me dedicar a ele, mas meu Blog é realmente, pelos menos pra mim, um terreno fértil em que cresce tudo aquilo que é precioso no meu dia a dia. DEUS NOS GUARDE! Elenice

    ResponderExcluir
  34. Que estoria!lembrei de mtas coisas.Coisas que eu ate vivi,e nunca me atrevi a contar.Por que pensava e penso que vão me achar louca!mas quem sabe um dia me atrevo!
    Que coragem!é real a parte do oposto?é assim que chamo o oposto de DEUS!não gosto de pronunciar o nome.
    até mais!

    ResponderExcluir
  35. Olha eu não sei se é coincidência ou o quê, mas deve tá todo mundo usando umas drogas pesadas por estas bandas!!

    ^^

    Tô adorando o resultado!

    ResponderExcluir

Comente. É isso que o autor espera de você, leitor.

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails