segunda-feira, março 21, 2011

O CAMINHO PARA CASA DE PORTINARI

Se todo caminho leva à Roma, melhor ir perguntando para não errar o caminho da Casa de Portinari. Aos trinta e sete anos de idade, após ter morado por quatro anos a menos de dez quilômetros de distância, eu finalmente decidi ir conhecer a casa onde viveu o famoso pintor. Casa que hoje é o Museu Casa De Portinari. Durante todo o caminho, até a chegada, o tempo esteve nublado. Havia um cheiro de terra molhada. Mais que promessa, era certeza de chuva nas proximidades. Março estava sendo generoso na quantidade de águas. Passa Orlândia, passa Batatais, chega a cidade de Portinari, Brodowski. Ali o tempo parece não ter pressa. Ali vi pessoas sentadas com suas cadeiras de descanso nas portas de suas casas. Bares movimentados à espera de um clássico do futebol, atrasado devido a um temporal na longínqua capital.


Casa de Portinari... Mas onde fica essa casa tão ilustre? Seria deste ou daquele lado da Rodovia Candido Portinari? Deste. Vamos! Mas onde está? Não entendo estas placas... Deveria haver uma indicação agora. Elas apontam para frente, sempre. Faz algum tempo que estamos seguindo a última indicação da casa, e nada. Veja, aquele senhor deve saber onde fica, ou ao menos nos dirá se ainda estamos na cidade. _Senhor! Por favor! Onde é que fica a Casa de Portinari? Ele encosta-se ao cabo de sua enxada, recolhe o suor da testa com o dorso da mão, e diz: _Vixi! Vocês andaram foi muito longe de lá. E então começou com uma explicação pra mais de complicada. Explicou, citou trechos da cidade, apontou em algumas direções, arrastou a sola da bonita sobre o solo e tomou um graveto, e com este começou a rabiscar na terra o que seria um mapa. E de tudo que ele disse, desenhou e mostrou, ficou claro apenas que deveríamos voltar. A cidade havia ficado para trás. E voltamos. E entramos seguindo a indicação da placa, que surgiu novamente indicando para frente. De qualquer ponto que a víssemos, parecia sempre indicar para frente. Era melhor perguntar. Alguns rapazes numa esquina. Talvez saibam. Vamos perguntar! Mas dos quatro, apenas um prontifica-se a explicar: _Vixi! Fica pro outro lado da cidade. Vocês terão que atravessar o pontilhão. E explica, e explica, e explica. _Rapaz, o lugar é longe mesmo! Esse Portinari não morava, escondia-se. _Pois é, ele não ficava quase aqui. Vinha, passava alguns dias, e voltava, acho que lá pro Rio de Janeiro ou estrangeiro, não sei. A casa é longe mesmo, fica pras bandas do cemitério! _Cemitério? Dessa vez ficou fácil. Se ninguém sabe muito bem explicar onde é que fica a casa do pintor, certamente a mansão dos mortos que um dia lhe inspiraram em suas obras todo mundo saberá. E saímos na direção indicada. Paramos logo mais adiante. E, temendo sermos indelicados, perguntamos a uma senhora muito idosa, mas muito idosa mesmo, que estava sentada em sua cadeira de descanso na calçada: _Senhora! Por favor! Onde fica o cemitério? A explicação foi clara como uma tela em vivas cores. Passamos o cemitério e logo encontramos a praça, a igreja e a casa. Ah! A casa...

*No Twitter @Jefhcardoso74

76 Comentários:

Blogger dja disse...

olá Jefh

Vc vai contar, neh

beijos

Uma ótima semana pra vc.

21 de março de 2011 16:12  
Blogger joao victor. disse...

muito legal a historia, vai ter continuação né?
sobre a parceria voce aceitou a minha ultima proposta?

21 de março de 2011 17:17  
Blogger joao victor. disse...

assim entendi e... ja fas um tempo que gravei esse video mais ou menos um ano so agora decidir por e so uma pergunta... todos esses textos sao reais?
a e se voce me permitir...
galera entrem no http://instoeincrivel.blogspot.com e comentem valeu :D

21 de março de 2011 17:33  
Blogger joao victor. disse...

a e.. desculpe_me nao tinha visto seu primeiro comentario no video

21 de março de 2011 17:35  
Blogger Solange disse...

vc fez a pergunta certa pra pessoa certa..rs
não tinha como dar errado...=))

bjs.Sol

22 de março de 2011 06:29  
Blogger chica disse...

Que legal e ficou um gostinho de quero mais...Lindo passeio,bem contado! abraço,chica

22 de março de 2011 07:04  
Blogger Messias Daniel disse...

cândido Pontinari será q um dia morrerei por causa de meu dom?
será que um dia meu dom será reconhecido?
não tenho respostas talvez nem as tenhas!
mas o que importa é a minha felicidade...
cândido Pornari um grande homem, um grande brasileiro!


mt bom seu post tem continuação naquele meu texto inocentes lágrimas passa lá depois
abçs

22 de março de 2011 07:11  
Blogger Elvis de Moura disse...

Cara que aflição!!!!! Pensei que vc não acharia a casa!!rs...
Narrativa cirurgicamente desenhada! Me senti dentro do carro, gostei muito!

22 de março de 2011 08:10  
Blogger Evanir disse...

Um carinhoso beijo .Linda semana ,Evanir.
http://aviagem1.blogspot.com/
www.fonte-amor.zip.net

22 de março de 2011 08:41  
Blogger BLOG DO PROFEX disse...

Que aventura para encontrar essa Casa!!
Espero que tenha um banquinho bem perto onde tenham podido descansar. Ufa!
Grande abraço, Jefh!

22 de março de 2011 09:20  
Blogger Marcia Gomes Freire disse...

Olá Jefh sempre leio seu textos e sou uma de suas seguidoras gosto muito do que escreve, é aquela leitura que sempre me inspira algo... muito bom, obrigada pela visita

22 de março de 2011 11:16  
Blogger Witch blue disse...

Oiieee...muito bom....Parabens querido..boas energias sempre !!!!!!!!!Namastê!!!!!!!!

22 de março de 2011 11:43  
Blogger Keyane Dias disse...

Olá! Obrigada por visitar o Além. Muito bom os seus textos. Abraço.

22 de março de 2011 18:35  
Blogger Solange disse...

oba!!!
já desenrolei o tapete vermelho pra vc entrar..
bjbjbj Sol

22 de março de 2011 18:55  
Blogger MaU disse...

Já tive a oportunidade em conhecer o Portinari através da casa de sua família, suas obras, as tintas carregadas de chumbo que o levou a morte.
O cheiro de café, a apresentação multimídia na sala, a capela, os pertences.
Foi uma experiência memorável.

22 de março de 2011 21:48  
Anonymous Daniel "Beça" disse...

Como diriam os mineiros: "A casa dele é logo ali"...hahahha - Sumiu do Ofensivo hein cara? Mas tudo bem, até eu sumi do meu blog mesmo. Mas agora quase toda a sexta feira eu programo postagens! Aparece lá que eu apareço aqui! Grande abraço!

23 de março de 2011 04:39  
Anonymous Anônimo disse...

como artista plática que sou e arte educadora, adorei sua postagem e obrigada por sua visita em meu blog da mulher depois dos 50 anos

23 de março de 2011 05:44  
Anonymous Anônimo disse...

Jefhcardoso amigo, estou aqui corespondendo ao comentário que deixastes em minha pagina...

Quanto a seus textos, bons comentaristas não faltarão já que são todos de bom gosto e inteligentes.

Pessoalmente devo dizer que também gostei muito de sua pagina. Obrigado por sua visita. Grande abraço, e boa sorte!

23 de março de 2011 07:02  
Blogger Sonia Pallone disse...

Ah! A casa...

Ah! Jefh...Que coisa boa ter encontrado vc e esse espaço tão encantador. Amei esse seu jeito cadencioso, simplório e gostoso de escrever...Andei com vc pelas ruas e tb já estava ansiosa pra encontrar a 'tal casa'... Muito bom! Obrigada, meu lindo, pela visita honrosa e pelo carinho das palavras no meu Solidão de Alma. Vou te seguir para não correr o risco de te perder...Bjs.

23 de março de 2011 07:43  
Blogger Ilana Galhardi disse...

Mto legal sua história e descrição! Faz nos sentirmos lá vivendo aquilo junto com vc... E fiquei curiosa pra conhecer a casa do Portinari...

Ah! Esta frase sua do comentário é ótima! Adorei o "mova-se!"

23 de março de 2011 10:49  
Blogger Evanir disse...

Venho agradecer sua visita espero poder continuar recendo sua visita .
Eu achei justo da sua parte com tantos seguidores ñ tem como ir de blog em blog.
Uma linda tarde beijos carinhosos,Evanir.

http://aviagem1.blogspot.com/
E
www.fonte-amor.zip.net

23 de março de 2011 12:13  
Blogger Alexandre disse...

que viajem!
Bela visão do cotidiano de uma localidade longe da correria dos centros urbanos.
un abraço

23 de março de 2011 12:19  
Blogger Lene_Lio disse...

adorei!! me segue tambem tá? XERO!

23 de março de 2011 16:28  
Blogger Rose disse...

seu pedido atendido com prazer. legal seu blog, legal o texto! eu também gosto de escrever e assim com detalhes...nosa é o maximo! me senti na aventura...muito bom. e afinal, onde fica de fato? abraços

23 de março de 2011 16:53  
Blogger Luiza Bechtlufft disse...

Adorei !! Até eu fiquei com vontade de ir à casa de Portinari agora! hehe Abração!

23 de março de 2011 18:02  
Blogger Simples Maria disse...

Espero que vc encontre! rsrs bjus

23 de março de 2011 18:26  
Blogger Raquel Soutto disse...

Mas onde fica a casa de Portinari?

23 de março de 2011 19:36  
Blogger eroimperatriz disse...

Caro Jefthcardoso,

Viajei pelos caminhos que levam à PORTINARI, as pessoas e os lugares descritos, de certa forma retomaram as obras desse grande artista. Cheguei a vislumbrar os sons, cheiros e principamente as cores contidas naquele cenário, que tanto o inpirou.
Abraços

23 de março de 2011 20:30  
Anonymous Anônimo disse...

Parabéns pelo blog!Adorei!

24 de março de 2011 02:00  
Blogger Banalizaram o amor disse...

Amamos teu blog, principalmente pelos conteúdos diversos.

Visite-nos .
http://banalizaramoamoreagora.blogspot.com/

Grande beijo .

24 de março de 2011 04:31  
Blogger Sil disse...

Oi Jefh, td bom??
Como algumas pessoas disseram eu tbm concordo, viajei junto com vc, que aflição de não encontrar...rsrsrs
Agora quero saber o que aconteceu depois.....
Um ótimo dia
Abraço

24 de março de 2011 07:48  
Blogger Sabrina Pereira disse...

Ola!
Adorei o texto... quantos caminhos podem nos levar a Portinari?

Respondendo sua questão, sobre a minha postagem "Nosso fantástico cérebro"... uma dica: Matemático (sensacional)!!!
Me conta depois!

24 de março de 2011 10:21  
Blogger Ana Rosa disse...

Olá Jefh! Gostei do comentário e agradeço. Bacana seu texto...e a casa???
Um abraço.

24 de março de 2011 15:26  
Blogger vale a pena disse...

Foi com imenso prazer que li seus posts.Você é um mestre da narrativa, sabe escrever muito bem, levando o leitor a querer ler mais. Meus parabéns!
Adorei o seu blog.

24 de março de 2011 17:04  
Blogger dja disse...

Olá


E eu esperando a continuação do passeio Jefh rssss

Todo dia venho aqui e nada ainda

beijos.

24 de março de 2011 19:13  
Blogger Serginho Clemente disse...

Jefhcardoso,

Fico lisonjeado com suas palavras! Muito obrigado pelo apoio! Sempre que precisar, estamos a sua disposição!

Um abraço bem forte!

24 de março de 2011 19:18  
Blogger Valter Montani disse...

Jefh, parabéns! grato pela amizade e carinho, tenha um bom fim de semana,

A feiticeira da noite sopra estrelas no céu
a lua torna-se mais cheia e resplandecente
a noiva da colina asperge um suave perfume
espalhando no ar o seu chamado envolvente.

Trata-se de um convite ao amor e a amizade,
vai ecoando pelos quatro cantos da cidade
rua do porto, engenho central, repúblicas....
nada passa despercebido ao clamor lançado.

25 de março de 2011 04:36  
Blogger "O Mascate" disse...

Bem meu caro, ao menos você conseguiu chegar ao destino, mesmo que indo e vindo por conta do descaso do poder público com a cultura do Brasil.
As pessoas são simples assim, a morbidez se um cemitério é mais atuante que a curiosidade do saber.
Esse seu texto daria uma ótima tese de mestrado.
Abraços e parabéns pela crônica e pelo Blog.

25 de março de 2011 05:40  
Blogger ATELIÊ D'PAULA disse...

amei seu blog,a forma que vc ver a vida..obrigado
pela visita no meu blog
um forte abraço.
paulinha

25 de março de 2011 06:31  
Blogger ☆ Gαвi disse...

Linda história ! Amei Jefh !

25 de março de 2011 06:41  
Anonymous Anônimo disse...

Muito bom, gostei do seu texto e seu blog é muito bacana, vou guardar nos favoritos.
grande abraço

Sampaio (o Nome de verdade( rsss

25 de março de 2011 06:45  
Blogger Blog Cantinho di Mulher disse...

Obrigado por ter visitado o meu blog.
Adorei demais seu blog e suas histórias que até já virei seguidora, parabéns.
Bjus

25 de março de 2011 06:58  
Blogger Ana Lúh Oliveira disse...

Muito boa a sua narrativa! Adorei o texto, bem interessante.

25 de março de 2011 07:21  
Blogger Eliana disse...

Nossa, "viajei"!!! Engrossando o coro, o conto merece uma continuação. Já imaginei a personagem entrando na casa e a mesa posta para um lanche com... O dono da casa! Ficção meio manjada, mas... Rsrsrsrrs... Parabéns, Jef! Adorei!!!

25 de março de 2011 08:05  
Anonymous Ma Ferreira disse...

Jef! Muito prazer!!

Fui com você procurar a casa do Portinati..e confesso estava aflita em encontrar. Você escreve
muito bem. É o seu dom!!! Parabéns.
E obrigada pelo elogio que fez em meu blog.
Agora sou sua seguidora, nõa pelo elogio, e sim pela sua arte de escrever e de me fazer viajar.
Eu viagei a Brodowski. Vou ler seus outros contos.

Ma Ferreira

25 de março de 2011 08:42  
Blogger Ѽ .*☆. thammy .*☆. Ѽ disse...

Ola jef.
Vim retribuir seu comentário em meu blog e agradecer e retribuir o elogio, parabéns pela escrita.
Adorei o conto, fique com gostinho de quero mais, vai ter continuação neh?
Se for passa no blog e me avisa,ja estou te seguindo, te espero la no, caçadora de e-books.


oi pessoal se vocês forrem como eu fanática por leitura.passe em meu blog tenho certeza que gostarão tem varios livros bom com Download disponível, lançamentos. e muito mais.
Comentem,sigam, e sejam feliz....BjOoOkS

25 de março de 2011 09:54  
Anonymous Anônimo disse...

Jefh, adorei o conto!
O enrredo foi muito bem construido e escrito.Confesso que nunca imaginaria que um pintor de traços tão explêndidos como os de Portinari,morava de frente a um cemitério.
Meus parabéns pelo blog. Já estou seguindo...

25 de março de 2011 10:14  
Blogger Andrews Fernandes disse...

Mto bom. Otima narrativa e desenvolvimento da historia. Leve e simplista. bem encantador o modo como escreve. tbm dar a lição de "Quem tem pernas procura o lugar, mas apenas quem tem boca chega a onde quer" (AndrewsFernandes). vlw pelo comentario, qualquer coisa tamos ai :).

25 de março de 2011 12:24  
Anonymous Anônimo disse...

Vou ser sincera e do contra e dizer que não gosto do Portinari. Sou caretérrima com arte e do Modernismo quem me agrada é só Clarice.

Sobre seu comentário recém-feito no meu blog, concordo, Jefh. Acho que um BBB no formato que você descreveu seria bem mais interessante. Mas como disse no post, cada um escolhe pra si como vai usar a sua parcela de tempo reservada para cultura inútil.

Beijos!

25 de março de 2011 14:29  
Blogger Pòóly Mooura disse...

Achei mto legal o seu blog, mto interessante a sua visita à casa de Portinari, um dia eu tbm quero sai dessa toca de cidade e visitar esses lugares interessantes assim, gostei mto de suas escritas, é mto agradável lê- las.

25 de março de 2011 15:58  
Blogger Doroni Hilgenberg disse...

hehehh!!! quem tem boca vai a Roma, mas nem toda a Roma é logo ali, e nem sempre as indicações são corretas. bjs

25 de março de 2011 16:48  
Blogger NK ARTES disse...

oi tudo bem primeiramente agradeço a vc pela visita e achei lindo o que vc me escreveu tava precisando de uma palavra assim, e te dar meus parabéns pelo seu blogger é realmente muito lindo, moramos em lugares diferente, e fazemos coisas totalmente diferente mais uma coisa nós buscamos juntos é levar para as pessoas que precisam o nosso trabalho,e através da sua leitura vc consegue acalmar muita gente, e eu através do meu artesanato talvez até o alimento a alguém,e tudo isso porque DEUS entre milhares nos escolheu, nos presenteou com nosso dom e assim vamos continuar levando alegria as pessoas a cada dia,pois como eu, eu acredito que vc também ama fazer seu trabalho e quero aprender mais e mais a cada dia pois é uma maneira de nós agradecermos a ele por ter nos escolhido. parabéns continue assim.

26 de março de 2011 06:31  
Blogger C. disse...

Percorro qualquer caminho para chegar onde quero! Principalmente em se tratando de Portinari, um artista brasileiro que alcançou maior projeção internacional, isso é louvável!

Espero a continuação de boas surpresas, como por exemplo, ver foto de dentro da casa... gênios normalmente nascem em estrebarias, e esse é o grande ´barato` da coisa toda.

Visita bacana a sua... seja muito bem vindo!

26 de março de 2011 13:27  
Blogger CF disse...

Agradeço tb a sua visita no meu blogue
Peço antecipadamente desculpa mas não conheço a obra do pintor... fico a aguardar que me apresente. Com certeza, que a partir dos seus olhos será mais elucidativa..
Volte sempre ao meu blogue
Vou seguir o seu.

27 de março de 2011 09:08  
Blogger Evanir disse...

A voce um abraço nesse lindo Domingo
que desejo seja ele muito feliz .
Obrigada por seguir meu meu blog
ofereço minha amizade pois não existe riqueza maior que uma Amizade Sincera
Um feliz Domingo beijos no coração,Evanir.

http://.aviagem1.blogspot.com/

27 de março de 2011 09:47  
Blogger Nanna Hob por Dadi disse...

que legal Féra, adorei seu blog... vc faz com amor..isso q importa...

27 de março de 2011 12:25  
Blogger Anyele Matos disse...

Jefhcardoso, obrigada pela visita e comentário, volte sempre.
Achei seu texto muito bom.
Narrado de forma minunciosa. Faz-nos sentir como integrante da história. Fiquei curiosa pra ver a continuação, espero que poste logo, voltarei aqui smp que possível. Gostei muito da sua escrita.

bjoo.

27 de março de 2011 13:09  
Blogger Anyele Matos disse...

ahh, seguindo ^^

27 de março de 2011 13:19  
Blogger BLOG DO PROFEX disse...

Voltando para dizer que te indiquei para um MEME Literário. A galera quer conhecer o que você anda lendo. Bom domingo, Grande Abraço!

27 de março de 2011 14:32  
Blogger Suziley disse...

Hehehe...que busca, heim?!! Belo texto, Jefh. Parabéns!! Uma boa noite de domingo para você, ótima semana também, grande abraço :)

27 de março de 2011 14:47  
Anonymous Anônimo disse...

Jefh..
primeiramente quero lhe agradecer por sua visita e comentário lá em meu cantinho [:)] ..
Que fantástica essa sua descrição.. eu diria até dessa "aventura".. rica em detalhes que até nos faz pensar que fomos nós a vivenciar essa visita.. que sem sombra de dúvidas deve ter sido fenomenal!
Beijocas super em seu coração e já estou lhe seguindo [:)]

Verinha

27 de março de 2011 15:15  
Blogger Katia Barros disse...

Olá!!! eu também tive a oportunidade de conhecer a casa de Portinari, estava tendo uma exposição... foi lindo.
Beijo.

27 de março de 2011 16:57  
Blogger Mileine Medeiros disse...

Muito interessante seu blog, está de parabéns!!Não deixe de visitar o meu,estou reinaugurando ele,rsrs..sucesso!
mileinemedeiros.blogspot.com

27 de março de 2011 19:58  
Blogger Matheus Xavier. disse...

Pô, você escreve muito bem, cara. Gostei mesmo da narrativa. Ainda mais porque me lembrou de quando estava tendo chegar em porto de galinhas com uns primos, e ao parar para perguntar descobrimos que tinhamos passado quilômetros da entrada. Foi uma boa aventura.

27 de março de 2011 20:21  
Blogger Veronica Fukuda disse...

Oi Jefh,
vim retribuir a visita...
Parabéns pelo conto e pela aventura!
abs

28 de março de 2011 05:45  
Blogger ANA ROOS disse...

Demorei mas vim comentar, já tinha lido seu texto no dia que vc me visitou, li e me senti na sua viagem, senti até a aflição de não conseguir chegar logo a tal casa de Portinari, rsrs
Escreve muito bem, com leveza e humor...
Vou estar sempre por aqui, lendo e me deliciando com teus textos... bjus no coração

28 de março de 2011 06:16  
Blogger a senhora das ilhas de bruma disse...

PEÇO LICENÇA, PELO RESPEITO QUE LHE DEVOTO, DE DAR UMA LEVE "PINCELADA": CAMINHOS QUE LEVAM A ROMA PARA ROMA) SEM CRASE.
COM CRASE: EXEMPLO: CAMINHOS QUE LEVAM À ROMA DOS CÉSARES = PARA A ROMA DOS CÉSARES
VELHA CHATA!
É VÍCIO ADQUIRIDO NA PROFISSAO DURANTE 30 ANOS.
LUZ, PAZ E, REDUNDANTEMENTE, SABEDORIA!

28 de março de 2011 09:48  
Blogger Ma Altoastral disse...

Legal.Gostei e vou seguir teu blog.Abs.
http://masworldflowersdesigns.blogspot.com/

28 de março de 2011 12:38  
Blogger C. disse...

Oi Jefh, aqui também é assim, nao se pode fotografar nada em museus, em exposicoes, portanto, eu entendo o bom rapaz que é hehe

#Beijinhos, ótima semana!
Cris

28 de março de 2011 14:43  
Anonymous Anônimo disse...

Muito obrigado pelo seu comentário :)
Ajuda sempre, faz com que saiba que alguém me ouve. :D
Beijinho*

28 de março de 2011 14:58  
Blogger vanessa cony disse...

Vim retribuir sua doce visita ! Quero mais...
Beijo no coração.
Seu texto é ótimo!

28 de março de 2011 16:14  
Blogger Suyanne Correia disse...

Adorei a forma como você escreve, a narrativa descritiva é muito boa, me senti viajando junto e consegui visualizar cada lugarzinho e datalhe ilustrado no texto. Você escreve com uma linguagem muito cênica. Fácil fácil de adaptar pro teatro. :)

28 de março de 2011 18:54  
Blogger Jefhcardoso disse...

Obrigado pelos comentários, amigos. Estou indo aos respectivos blogs para manter contato e agradecer. Abraços!

29 de março de 2011 17:42  
Blogger porcelain doll disse...

Nossa fiiz uma viagem literária lendo seus textos!expressivos e um calmante para alma.Amei seu blog.Um bjo Jef.

30 de março de 2011 12:56  
Blogger nIC disse...

Olá, Jefh
estive sem tempo e só agora vi seu comentário em meu blog. Obrigada pelo conselho e vou add o seu blog e olhar com calma todos os posts. Um abraço e seja bem vindo.

14 de abril de 2011 12:15  
Blogger ARTES/PROJETOS E EXPERIÊNCIAS disse...

"O alvo da minha pintura é o sentimento. Para mim, a técnica é meramente um meio. Porém, um meio indispensável." (Candido Portinari) ...
PARABÉNS PELO SEU TRABALHO...quem sabe um dia chego la também kkkkk aqui quem fala é uma humilde professora do estado do Pantanal. abraços

28 de maio de 2011 10:19  

Postar um comentário

Comente. É isso que o autor espera de você, leitor.

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial