sábado, outubro 23, 2010

PARA O FINAL, A CONTEMPLAÇÃO

Convenhamos; ninguém durante o exercício de sua profissão dedica-se a refletir sobre como será o último dia quando ainda está distante deste destino. Porém, penso que seria bom lembrar vez ou outra que tudo termina. Essa tarefa, que mistura contemporaneidade com o advir, pode ser saudável para as relações durante o desenvolvimento destas. Quantas vezes Honorato imaginou como seria o dia posterior ao último dia de trabalho de sua carreira? O tempo passa mesmo. E quando amanhece um belo dia...
Agora ele, que sempre trabalhou arduamente, dispunha de todo o temo do mundo para a contemplação. Não há glamour no encerramento da carreira de trabalho de um homem comum. Por mais que haja sentimentos por conta das partes envolvidas, simpatia, afeição, não é próprio das pessoas simples as grandes homenagens. A coisa toda transcorre com a mesma singeleza do início, do meio, é assim o fim. As relações interpessoais são combustíveis, portanto inflamáveis, e, após os enlaces, queimam, evaporam-se, vão pelos ares...
Alguns amigos já trabalhavam na empresa bem antes de Honorato iniciar ali. Estes formavam as colunas da atmosfera do lugar, efêmeros também, passageiros, todavia, durante o tempo em que ali estavam, compunham uma espécie de identidade local.
Ele já havia visto outros passarem pela mesma situação de despedida em que se encontrava agora. Últimos dias de algo muito importante na vida de um homem comum. Prelúdio de um fim. Dias atípicos a mirar o desconhecido que se aproxima, e o conhecido que se afasta. As relações interpessoais sofrerão o inevitável resfriamento que ocorre após o desligamento, a deterioração ocasionada pela interrupção do convívio é inevitável. Certa vez, houve um fato que lhe chamou a atenção, um amigo que partia, o Osvaldo Marceneiro, que foi em seu último dia de trabalho cumprimentar os colegas um a um. O fato engraçado é que somente ele, o Osvaldo, estava emocionado de fato. Os outros não foram indiferentes ou mal educados, apenas levemente fleumáticos, naturais, tinham muitas tarefas a fazer. É normal que o despedindo seja mesmo o mais comovido, afinal são as estruturas do mundo dele que serão realinhadas. O espaço que ele deixa ao partir é rapidamente preenchido por alguém, na maioria das vezes inexperiente, contudo cheio de energia e motivação, talvez mais carismático até, quem sabe.
E agora? As portas do bar sempre estarão abertas a esperar? Copos limpos? A cachaça quente e perfumada, a cerveja gelada nas primeiras horas do dia... O dono do bar é o psicanalista da comunidade, é o pai dessa religião pagã, é o cúmplice onírico, ele espera limpando o balcão, lavando um copo, fazendo uma conta, ouvindo muito, falando pouco. Porém, nem só de bar viverá o aposentado, mas de toda pescaria que não exija grande deslocamento e ou equipamento sofisticado. Existe também aquele banco de praça onde o carteado, o dominó e a dama servem de fundo para as trocas e cuidados das informações da vida alheia. Há o parque para as caminhadas, a banda que passa, a televisão que jamais para...
Mas, se Honorato tivesse se dedicado às causas nobres do bairro, a religião, a família, a Filosofia, salvadora de toda a humanidade, talvez hoje lhe desse mais prazer o tempo livre para a contemplação.

ObsII. Estou agora, no twitter @Jefhcardoso74.
ObsIII Este conjunto arquitetônico da foto compõe a magnífica Praça XV em Ribeirão Preto.

77 Comentários:

Blogger O Santo Forte disse...

Tudo bom brother??? ja tou te seguido no twitter e ja votei no seu blog...

23 de outubro de 2010 09:11  
Blogger Sonia disse...

Olá Jefh, vim agradecer sua visita e seu comentário carinhoso.
Achei esta postagem deliciosa de ler.
Na realidade percebemos que tudo continuará funcionando da mesma forma depois de partirmos...
É triste mas verdadeiro.
Espero que os biscoitinhos fiquem bons, já votei para que vc vença o Top Blog.
http://blogdadonasonia.blogspot.com/

23 de outubro de 2010 09:52  
Blogger Dani Fuller disse...

oii Jefh obrigada por sua visita.. já estou seguindo seu blog..

vc escreve apenas por Hobby?? Escreve muito bem na verdade.. parabéns.. e volte sempre bjs

23 de outubro de 2010 12:14  
Blogger Vanessa Dâmaris disse...

Jefh vc escreve muitoo bem, adorei seu blog!! Obrigadaa pelo comentário, estou te seguindoo!!

Beijoos meu bem ;**

23 de outubro de 2010 12:22  
Blogger Sofia.Macedo disse...

Tem toda a razão Jefh. Estou pronta. Preparada. Talvez no amanhã. beijo

23 de outubro de 2010 12:29  
Blogger Rosa Carioca disse...

Seu texto retrata um dilema para muitos aposentados que, de um dia para o outro, não precisam acordar cedo, não precisam correr no trânsito, não precisam aguentar o mau-humor do patrão, não precisam cumprir prazos...
Não deve ser fácil.
Já meu pai dizia que todos deviam ter uma (ou mais) actividade prazerosa, para além do trabalho.
Eu, por enquanto, estou pensando como correrá o dia de hoje...

23 de outubro de 2010 12:40  
Blogger Gisa disse...

Difícil questão do "primeiro dia do resto das nossas vidas". O trem segue e nem sempre estamos preparados para saltar. Uma plataforma se vai, e mais outra, e quando damos por nós a viagem chega ao fim. Só nos resta um rosto levemente estupefato por termos ficado vendo tudo apenas na janelinha.
Adorei o texo, com sempre!
Bjs

23 de outubro de 2010 13:44  
Blogger Rob Novak disse...

"As relações interpessoais são combustíveis, portanto inflamáveis, e, após os enlaces, queimam, evaporam-se, vão pelos ares..." Isso é verdade. Por mais que a gente queira, difícil manter viva as chamas de amizades conquistadas durante a execução das obrigações profissionais.

Ótimo conto!

Abraços.

23 de outubro de 2010 14:58  
Blogger Ninna .~ disse...

Olá! Achei seu post super interessante! Nunca havia parado pra pensar no dia seguinte ao fim. Sei lá. Acho que o ser humano tem tendência a eternizar tudo. Lembrei da célebre frase "eterno enquanto dure". Faz todo o sentido, quando pensamos que ninguém pensa no fim de nada e que, quando pensa, já está esperando que acabe.
Estou seguindo o blog.
Parabéns!
Beijos

23 de outubro de 2010 18:24  
Blogger Expe disse...

Oii

mto bacana o blog....
obrigada pela visita.

beijos
bom domingo

23 de outubro de 2010 19:06  
Blogger Maria Lúcia - Asas da Imaginação disse...

Olá!
Muito interessante o texto; é preciso se preparar para este tempo. Se Deus me permitir, pretendo trabalhar até o fim da minha vida. Este negócio de cessar toda a atividade útil é máquina de fazer louco...rsrsrs ou de antecipar o dia da morte.
Obrigada por sua visita.

24 de outubro de 2010 05:52  
Blogger Pérola disse...

Bom dia meu bom amigo.
Bom receber a sua visita,fiquei bastante feliz.
Estava lendo seu texto, eu ñ sei se é a continuação de outra postagem pq já fazia algum tempo q ñ o acompanhava mas lhe digo de ante-mão: Muito bem escrito e de uma realidade ímpar.
Parabéns.
Um lindo domingo.
Abraços mil.

24 de outubro de 2010 06:56  
Blogger Lara. disse...

Cabe a cada um de nós transformar o momento "pós-ativo" em total inércia, ou continuar com atividades que, mesmo simples, e não remuneradas, fazem girar a roda da vida, até a chegada de seus derradeiros dias. Que a maioria escolha a segunda opção...
Ótimo texto, bem reflexivo. Beijos.

24 de outubro de 2010 09:33  
Blogger Monique Premazzi disse...

Normalmente as pessoas encaram o "perdi meu emprego" de um jeito muito melancólio. Se joga na bebida, chora, deseja sumir. Só que a vida continua, acabou aqui, mas existem outras portas por onde você pode entrar e recomeçar.
Nada é o fim, a não ser a morte.

Adorei o texto.
xx

24 de outubro de 2010 10:53  
Blogger Tainá Oliveira disse...

amei o posto, realmente é algo pra refletir. alias ja estou seguindo :D realmente esse é um blog de sucesso, o meu esta bem longe de ser assim, mas enquanto isso admiro blogs como esse !

24 de outubro de 2010 16:35  
Blogger Aline V. disse...

Gostei mto do texto =]

O último dia... a gente realmente não para pra pensar nesse dia...


Gostei do blog viu??? E da visita no meu tb... passe por lá mais vezes!

beijão

24 de outubro de 2010 18:08  
Blogger Quareesma disse...

acho que estou precisando de psicanalista (hihi) '-'

beijas :*

24 de outubro de 2010 18:10  
Blogger Daniela disse...

Que belo o texto!
Não quero nem imaginar o que vou fazer quando eu não poder atuar mais :s hehe
bjs :*

25 de outubro de 2010 03:43  
Blogger Valéria Sorohan disse...

Passamos parte de nossas vidas pensando nesse tempo livre, daí quando chega...o que fazer???
Adorei o blog, o texto.

BeijooO*

25 de outubro de 2010 05:00  
Blogger Bia disse...

Nossa vida inteira passamos por mudanças e perdas, ainda bem que também existem os ganhos e a rotina. Achamos que o difícil é encontrar o que queremos fazer para o resto de nossas vidas, quando no final, o difícil é encararmos que não queremos fazer mais nada!
Belo post.
Obrigada pela visita no meu blog, apareça sempre e não esqueça de ler o manual da máquina fotográfica, quem sabe não vira um hobbie para quando se aposentar hehe. Abraços.

25 de outubro de 2010 05:11  
Blogger PSICO? LÓGICO! disse...

Olá!!! vc quer ganhar um livro? então participe da comemoração dos meus dois anos de blog!!!!

Viisitem: http://psicologico-al.blogspot.com/2010/10/ano-ii-blogagem-coletiva-e-convidadas_4669.html

25 de outubro de 2010 06:09  
Blogger dear sarah disse...

Obrigada pelo carinho querido, adoro este espaço aqui!

25 de outubro de 2010 06:26  
Blogger *** Sandrinha *** disse...

OI Jefh ,obrigada pela visita !!!Vim visitar seu blog e adorei !!!E também vou ficar por aqui !!!
Abraços !!!

25 de outubro de 2010 09:54  
Blogger Cake disse...

obrigada pela força =)

25 de outubro de 2010 11:30  
Blogger Edinéiiia disse...

A filosofia nos instiga a avaliar todas as "fases" da vida, mas muitas veses nao nos preocupamos em como vai acabar, por nao termos a certeza de que vai começar e dar certo ...

beijos
amo seus posts *-*

25 de outubro de 2010 14:40  
Blogger CamilaDutra! disse...

Obrigada pelo comentário, fico lisonjeada. Estou seguindo. beijos

25 de outubro de 2010 19:00  
Blogger Adriana Polo.Demais pra minha Cabeça. disse...

Demais! Amooo

25 de outubro de 2010 19:15  
Blogger Solange disse...

vc tem razão Jefh..
precisamos pensar sempre no amanhã, já nos desprendendo do que fazemos hoje..
acho que assim não haverá despedidas, mas só abraços de boas vindas..

ai matei a saudade!!
bjs.Sol

26 de outubro de 2010 02:50  
Blogger Poliana Fonteles disse...

Adorei teu texto rapaz... muito bom...
Agradecendo também pela visita em meu blog.

Tenha uma boa semana.

26 de outubro de 2010 03:47  
Blogger Daniella Ockner disse...

Quando pessoas se afastam, pelo motivo que seja, o relacionamento (seja qual for) não é mais o mesmo, quero dizer, a distância, ainda que nem um pouco desejada, afeta e ocasiona mudanças. Sempre se comove mais o que tem mesmo a vida alterada, mas não devemos ligar muito para o fato.. Vivemos assim, acompanhando e sofrendo mudanças, podemos apenas lutar para que sejam para melhor e merecer coisas boas, claro :) Gostei muito do blog, estou seguindo, obrigada por visitar o meu tambem !
Um beijo !

26 de outubro de 2010 08:35  
Blogger Daniella Ockner disse...

ps: ja ganhou mais um voto!

26 de outubro de 2010 08:37  
Blogger Barbara disse...

oiie
obrigada pela visita :)
adorei teu blog

beijo grande

26 de outubro de 2010 10:01  
Blogger A.Menina disse...

Gostei muito do seu texto e obrigada pela sua visita =) um beijo

26 de outubro de 2010 10:09  
Blogger Leila Bicalho disse...

Se pensassemos tanto na finitude das coisas, muitas delas não a faríamos ! *-*

26 de outubro de 2010 10:44  
Blogger Nina Auras disse...

Oi, muito obrigada pela visita, e muito legal o seu blog *-* Você escreve muito bem, de um jeito profundo. Amei.

26 de outubro de 2010 15:36  
Blogger Rafael Pinheiro disse...

obrgado pela visita no Dito. volte sempre. parabéns pelo blog.
grande abraço,

Rafael.

26 de outubro de 2010 19:46  
Blogger Marília Gambi disse...

Realmente, a aposentadoria nunca deveria ser uma meta de vida! A alma não se aposenta, não tira sequer férias!

Obrigada por ler meu blog!!!

Vi q vc e de Ituverava, minha família 'Gambi' é daí ;D

26 de outubro de 2010 19:46  
Blogger Cari_na disse...

Obrigado pelo elogio.

Eu ja estou seguindo-te e prometo que volto
pra ler com mais calma okay/;
Fica cm Deus

=*

26 de outubro de 2010 21:30  
Blogger jefhcardoso disse...

Sonia, sou eu quem lhe agradece. A vida é cheia de verdades difíceis, mas para cada verdade existe uma doce ilusão possível. [sorrio] Os biscoitinhos! Sim, sim... Abraço!

O Santo Forte, tudo. Ok, valeu! Abraço!

Dani Fuller, sou eu quem lhe agradece. Sim, escrevo por hobby. Muito obrigado, você é muito gentil. Abraço!

Vanessa Dâmaris, é bondade sua. Muito obrigado! Abraço!

Sofia.Macedo, ok. Beijo!

Rosa Carioca, eu conheço um senhor que costuma dizer: “Jeferson, feliz é o homem que acorda e tem aonde ir, algo pra fazer”. Acho incrível toda vez que ouço essa frase. Abraço e obrigado, linda!

Gisa, conscientes dessas verdades, resta-nos viver da melhor forma, com muito amor e compreensão para com todos. Abraço e muito obrigado,linda!

Rob Novak, sempre muito gentil, amigo! Muito obrigado por sua atenção, e vivamos da melhor forma cada momento. Ok? Abraço!

Ninna, que bom que a postagem lhe causou um momento íntimo. Melhor ainda você ter compartilhado. Obrigado por toda sua atenção e apoio. Abraço!

Expe, obrigado! Boa semana! Beijos!

Maria Lúcia, eu também não penso em parar não. Concordo com você. [sorrio]. Abraço!

Pérola, você sempre é muito gentil. Obrigado por vir. Abraço!

Lara., muito bom o seu comentário, ele complementa a minha postagem de um modo muito enriquecedor. Obrigado! Fico feliz que tenha gostado do texto, você disse ótimo, você é muito gentil. Um enorme abraço. Linda!

Monique, o emprego acaba, mas como você disse, a vida continua, e viver é que é o grande lance. Que bom que adorou. [sorrio]. Abraço e muito obrigado por comentar. Até!

Tainá, fico feliz que tenha gostado, e esse blog é apenas mais um. Eu trabalho muito nele. Trabalhar no blog é algo que faço pra relaxar. Todo blog que recebe muito trabalho consegue fazer muitos amigos. Acredite no seu trabalho. Abraço!

Aline V. que bom que gostei. A gente se fala sim. Beijão!

Quareesma, que não seja o amador do bar. [sorrio]. Abraço!

Charllon, obrigado, amigo! Um grande abraço! Até!

Daniela, não quer? Pois imagine. Melhor é se preparar. Um dia a gente para. [sorrio]. Abraço!

Valéria Sorohan, pois é, eis a questão. [sorrio]. Abraço!

Bia, ótimo! Vou ler sim. [sorrio]. Só não sei quando. Abraço!

Psico?Lógico!, quero sim. Lógico. [sorrio]

dear Sarah, sou eu quem agradece. Abraço!

Sandrinha, seja muito bem vinda. Abraço!

Cake, foi um prazer. Abraço!

Edinéiiia, isso é verdade. Beijos, e muito obrigado! Abraço também!

CamilaDutra, sou eu quem lhe agradece por sua atenção e apoio. Um grande abraço!

Adriana Pólo, que bom. [sorrio]. Abraço!

Solange, sempre muito consciente, amiga. Obrigado por seu carinho. Também senti saudades. Abraço!

Poliana Fonteles, que bom que gostou. Muito obrigado! Boa semana!

Daniella, obrigado por seu comentário, obrigado por compartilhar essa reflexão aqui. Obrigado por sua atenção e apoio. Um grande abraço! Muito obrigado mesmo.

Barbara, sou eu quem lhe agradece. Um abraço!

A.Menina, obrigado! Beijo!

Leila Bicalho, tem razão. Pensar nas ações muda o rumo das coisas. Abraço!

Nina Auras, que bom! Obrigado por vir. Grande abraço!

Rafael Pinheiro, sou eu quem agradece. Grande abraço!

Marília Gambi, sim, conheço a sua família aqui, são pessoas muito boas. Até trabalhei com uma parenta sua que é Assistente Social. Parabéns! Obrigado por vir. Um grande abraço!

Carina, sou eu quem lhe agradece, o elogio foi merecido, lhe espero com mais tempo. Ok? Abraço!

27 de outubro de 2010 02:29  
Blogger Ro disse...

Olá jeff, vim agradecer pela visita. É pra refletir neh. Eu penso muito nesse dia... e não vejo a hora dele chegar.. rsrs
Sei que depois é só vazio, mas as vezes tdo que preciso é um vazio, pra comtemplar, pensar e orar!!!
bjos!!

27 de outubro de 2010 03:21  
Blogger Kéca disse...

Bom dia amigo, obrigada pela passada no meu blog...
Abraços☺

27 de outubro de 2010 03:46  
Blogger Emanuelle disse...

Olaaaa, bom diaaa
vim agradecer pelo recadinhu!
obrigada
tenha um otimo dia
bjuss
xauxau

27 de outubro de 2010 03:55  
Blogger Aninha disse...

Bom dia! Obrigada pela visitinha! Aqui tbm é super bacana...tem muita coisa boa aqui!
Sou professora, além de "louca" por dietas, r.a, etc... manias mesmooo..rsrsrs!!
Gostei da sua escrita irreverente..Parabéns!!
Tenha uma ótima quarta-feira!
Bjikos...Ana

27 de outubro de 2010 04:54  
Blogger Tata Nani disse...

Gostei muito do seu texto. Seu jeito de escrever é altamente viciante pra quem lê, rs.
Um grande beijo, muito obrigado pela visita no meu humilde espaço,
Pode contar com meu voto.
Tata,
http://evamosbotaraguanofeijao.blogspot.com/

27 de outubro de 2010 05:31  
Blogger IVANCEZAR disse...

Cotidiano, rotina e individualidades convivem em harmonia no texto. Muito bem trabalhado. Ando muito ausente, amigo, pois tragado por um ano de trabalho muito duro. Abraço sulino !

27 de outubro de 2010 06:01  
Blogger WedLa DiLkinha disse...

Bom, após 39 comentários, venho, com minhas palavras, humildemente, fazer parte dos 40 comentários.

Antecipar o fim, antes mesmo dele realmente chegar, pode ser uma forma de dar mais valor ao que temos.

No entanto, saber apreciar o momento em que estamos, seja ele no trabalho ou em qualquer lugar, é o maior presente que damos à nós mesmos.

Aproveitar a idade do agora, o corpo que se tem agora, os amigos que se tem agora, enfim, a vida, o agora, sem precisar antecipar o fim... é a melhor forma de viver.

Obrigada pela reflexão, amanhã vou tratar à todos do meu trabalho muito bem, estou mesmo esperando uma demissão! auhhauha...

Brincadeiras à parte, parabéns pelo texto!

27 de outubro de 2010 12:27  
Blogger Pamela Kenne disse...

Precisamos contemplar o nosso dia a dia. Não podemos esperar para aproveitar no fim, pois o fim é o fim.

27 de outubro de 2010 13:48  
Blogger Cris disse...

Oi Jefh,
Vi muitas pessoas passarem por essa situação, pois trabalhei muito tempo numa grande empresa..As pessoas que se julgavam, ou realmente eram, muito importantes iam embora..e a vida continuava da msm forma..Uns se consideravam indispensáveis...mas a verdade é que numa organização ninguem é insubstituível né?
Muitas entraram em depressão, e não sabem viver a vida ainda..
Gostei de conecer seu blog!
Bjs CRis.

27 de outubro de 2010 14:05  
Blogger PSICO? LÓGICO! disse...

Olá!!!

Desculpe minhas ausências...
Mas espero agora recomeçar e para isso te convido para participar da comemoração de dois anos do meu blog!!! Apareça por lá e concorra a um livro!!!

Enorme abraço.
http://psicologico-al.blogspot.com/2010/10/ano-ii-blogagem-coletiva-e-convidadas_4669.html

27 de outubro de 2010 16:07  
Blogger Maria Janice disse...

Olá. Vim retribuir a visita, agradecendo o elogio.
Quanto ao teu artigo, tenho a dizer que é 'matéria' que, como todos, até chegar aos 40 e poucos não tinha parado para pensar. Aos 4.4, em plena atividade e cheia de projetos, hoje sim penso em quando chegar aquele dia. Não será um dia qualquer, porque quando se ama o que se faz torna as coisas um pouco mais delicadas. Entretanto acho que a natureza é condescendente com quem faz o que gosta, pois, embora falte muito ainda para a aposentadoria, não me faltam sonhos e projetos em outras atividades e atividades afins com a que atuo (minha área me permite - ainda bem rsrsr.

E, por fim, preciso ser honestíssima, não curto o aspecto competitivo na blogosfera. Vim devolver o privilégio da visita. E voltarei sempre que gostar das ideias, unicamente, mas não por questões aritiméticas - embora reconheça que a vaidade é característica inerente a todo blogueiro, seria hipocrisia negar.
Boa sorte nos teus fins, e desejo criatividade no plano das ideias.
beijo,
Janice.

27 de outubro de 2010 21:50  
Blogger Ná Lipia Eisenhauer disse...

Oi Jefh, muito obrigada pela visita, também adorei o seu blog, e já estou seguindo para não perder de vista!
bjão!

28 de outubro de 2010 04:08  
Blogger Tio Tatu disse...

Como diz a letra de uma musica do Charlie Brown Jr

"Buscando um novo rumo que faça sentido nesse mundo louco com o coração partido, tomo cuidado para que os desequilibrados não abalem minha fé...)

Bela postagem.
Intensidade em cada trecho. o/

28 de outubro de 2010 06:20  
Blogger Zélia Gadelha disse...

Sei bem o que é isso, tõ longe de me aposentar, mas precisei deixar um cargo pra assumir outro em outro lugar, recebi homenagens, festa de despedida. Mas as "amizades que conquistei nesses 5 anos, que pareciam tão sólidas, simplesmente evaporaram. É a fragilidade das relações pós-modernas, cada vez mais líquidas e vulneráveis... Enfim novas amizades vieram, mas sei que um dia se vão, não passam de frágeis ilusões....
Ps. Estou te seguindo e já dei meu voto.
bjussss

28 de outubro de 2010 07:16  
Blogger Cynthia Brito disse...

Ah, Jefh, você é mesmo uma graça com estas tuas palavras. Também gostei muito do texto do grande Carpinejar. Parabéns!

Ah, quero repetir a frase que eu tbmmm adoreii ♥:
"Entre o sonho e a realidade, eu prefiro a realidade que me permita sonhar"
Abraços...

28 de outubro de 2010 08:25  
Blogger . E o Romeu ~*ՏՁ disse...

Olá! Obrigada pela visita...fiquei honrada.
Você gosta de trabalhos manuais?
Você escreve muito bem, e eu adoro ler, então me encontrei um pouco aqui no seu blog.
O nome desse post me remete ao primeiro pensamento que me surgiu ao ver o seu blog: " esse blog é para ser contemplado". E é mesmo...parabéns!!!

28 de outubro de 2010 08:41  
Blogger đѳทα ૯ઽƬ૨αทђα disse...

hahaushauhass obrigada querido adorei a tua visita,sério mesmo1 estarei sempre por aqui em seu blog! bjos e fica com Deus!

28 de outubro de 2010 09:31  
Blogger Evelyn Santos disse...

Olá.
Muito obrigado pelo comentarioo !
gostei daqui.
Estou a seguir-te.


Beijiinhoos

28 de outubro de 2010 11:54  
Blogger Andÿ disse...

Gostei do comenta'rio no meu post, fiquei rindo sozinha rs.
Confesso que uso o blog mas como um meio de "descarregar"
meus sentimentos, mas nem sempre estou a postos/com vontade/com tempo pra fazer isso rs.
Gostei do teu blog, voltarei mais vezes.
Obrigado pela visita ;)
Kusjes ;*

28 de outubro de 2010 12:40  
Blogger g.oliveira disse...

Oi,Jefh!
Amei o texto!Agradeço pela visita!
abraços amigo

28 de outubro de 2010 13:40  
Blogger lidia disse...

tu eres o rey...quien pasa todos los días,por email,dejando belleza...he leído y me parece interesante,muy interesante!
te dejo mis besos,mis abrazos,mi afecto!
gracias mil veces
lidia-la escriba

28 de outubro de 2010 14:14  
Blogger Vanessa Monteiro disse...

Olá!

Obrigada pela visita!

Muito legal o seu blog, os seus textos!

Voltarei mais vzs!

Beijoss

28 de outubro de 2010 14:17  
Blogger Bianca Bigogno disse...

Ei Jefh.
Vim te visitar finalmente.
Vi seu comentário lá no 'Frenética'
Muito obrigada pelas palavras.
Só não vim antes porque estava realmente atolada de coisas, tanto que nunca mais tinha atualizado o blog. Mas estou de volta.

Adorei seu blog, você escreve muito bem.
Estou te seguindo tá? pra poder voltar mais vezes.
Um beijo :*

29 de outubro de 2010 05:51  
Blogger Kamila Behling disse...

Olá!
Obrigada pelas palavras.
Amei seu blog. Seus textos são fantásticos.
Este sobre o "final da comtemplação" é bastante complexo, porém, realista a ponto de deixar longas e intensas inquirições em nossa cabeça tão ocupada, muitas vezes com assuntos de importância tão pequena, que acabamos perdendo a beleza do giro ao nosso redor.

Se possível, siga-me também. Ficarei grata.
Tenha um delicioso final de semana. Fique com DEUS. Abraço

29 de outubro de 2010 11:42  
Blogger Luiza disse...

olá! acho que precisamos entender que as coisas acabam mesmo. são finitas. beijos :)

29 de outubro de 2010 11:56  
Blogger Duanny!. disse...

oook! vou votar no seu blog.
=D

beijo. ;D

29 de outubro de 2010 12:01  
Blogger Leila Gasperazzo disse...

Lindo seu texto! Na verdade nunca ou quase nunca pensamos e preparamo-nos para nossa aposentadoria...seria envelhecer precocemente... A imagem da Praça XV é muito bonita, lembrei de quando estive em Ribeirão para um casamento...tomei um sorvete ótimo por lá...será que foi nessa praça?
Obrigada pelo comentário no meu blog (http://ousateduca.blogspot.com) adoraria tê-lo como seguidor.
Leila Grassi

29 de outubro de 2010 12:54  
Blogger Carla Farinazzi disse...

Jefh,

Lindo o texto! Muito bacana mesmo.
Dá o que pensar.

Ah, acredita que não conheço Ribeirão Preto. Nem moro tão longe (Marília). Tenho a maior vontade de conhecer a cidade, que essa foto só fez despertar ainda mais.
Beijo grande

Carla

29 de outubro de 2010 15:19  
Blogger Priscilla Marfori... disse...

Quando leio sobre profissão, fico imaginando o que será de mim, pois de fato uma pessoa se torna aquilo que faz!
...
B-Jos.

30 de outubro de 2010 08:25  
Blogger Ellen Ribeiro*-* disse...

Oii..retribuindo a visitinha...
te desejo um maravilhoso findis..bjos

30 de outubro de 2010 08:35  
Blogger jefhcardoso disse...

Ro, sou e quem agradece. Descansar é bom, porém descansar demais pode cansar. [sorrio]. Abraço!

Kéca, boa noite, amiga! Obrigado! Abraço!

Emanuelle, boa noite! Sou eu quem agradece. Ótima noite!

Aninha, professora é. Que legal! Fico muito contente que tenha gostado da minha escrita. Venha mais vezes. Abraço!

Tata, muito obrigado, linda! Um grande abraço!

Ivancezar, muito obrigado, meu gentil amigo. Sabe que é sempre bem vindo. Venha quando puder. Abraço!

Wedla, que legal! Quanta sabedoria em suas palavras! No perfil você parece bem jovem, e já fala com muita propriedade. Parabéns! Fico muito feliz que meu texto lhe tenha deixado algo para o dia seguinte. Abraço e muito obrigado!

Pamela Kenne, você está certa. Viver é agora. Ser feliz depende de atitude também. Abraço e muito obrigado!

Cris, obrigado por compartilhar sua experiência de trabalho aqui. Fico feliz que tenha gostado do blog. Espero que volte. Abraço!

Psico, eu fui ao seu blog e vi a promoção. Quero participar sim, mas estou com problemas com meu PC, blogando quase nada. Mas assim que eu arrumar as coisas, irei e participarei. Abraço e obrigado mais uma vez!

Maria Janice, certamente é um momento muito delicado. Sorte a sua em poder sonhar e projetar. [sorrio]. Obrigado por sua sinceridade. Espero receber mais visitas suas aqui. Um enorme abraço!

Na Lipia, conto com você. Um grande abraço, e muito obrigado!

Tio Tatu, Charlie Brow é muito bom! Que bom que curtiu o blog. Obrigado e um grande abraço!

Zélia Gadelha, fantástico. Gosto muito quando uma postagem minha recebe um depoimento. Sinto que ela fica mais completa. Obrigado! Obrigado por tudo. Você é muito gentil. Abraço!

Cynthia Brito, você que é uma graça. Que bom que gostou! Que lindo você me citar. Fiquei lisonjeado. [sorrio]. Um enorme abraço, linda!

E o Romeu, que lindo isso! Você é muito gentil. Gosto muito de trabalhos manuais, mais do que dos industriais. [sorrio] Obrigado! Um enorme abraço!

Dona Estranha, que bom que curtiu! Um grande abraço!

Evelyn Santos, fico honrado. Muito obrigado por seu acarinho e atenção. Abraço!

Andÿ, que bom que curtiu e riu. [sorrio]. Kusjes!

g. oliveira, que bom! Abraços!

Lidia, eres muy especial. ¿Alguno palabras mágicas a sus amigos. Muchas gracias!

Vanessa Monteiro, volte sim, muito obrigado pela visita. Abraço!

Bianca Bigogno, seja muito bem vinda! Obrigado por sua atenção e apoio! Um enorme abraço!

Kamila Behling, que bom que me texto repercutiu em seu pensamento. Isso é muito lisonjeiro. Obrigado por sua atenção e por seu convite. Grande abraço e fique com Deus também!

Luiza, sim. Precisamos. Abraço e muito obrigado, linda!

Duanny, vote sim, vote com prazer, pior que tá não fica. [sorrio]. Abraço!

Leila Gasperazzo, bem próximo dali tem uma sorveteria fantástica onde faz um milk shake floresta negra... nuooossa! Bom demais. [sorrio] Linda, obrigado por sua atenção e carinho. Um grande abraço!

Carla Farinazzi, Ribeirão Preto é um lugar fantástico, cheio de lugares mágicos, locais que remetem aos tempos dos barões do café. A vida cultural lá também é bastante ativa. Muito bom. Não deixe de conhecer quando tiver oportunidade. Abraço e obrigado por sua atenção!

Priscilla Marfori..., muito bom, legal isso que você disse. Somos o que fazemos. Abraço e obrigado!

Ellen Ribeiro, obrigado! Abraço e fds maravilhoso pra você também!

30 de outubro de 2010 08:38  
Blogger Mariane Oliveira disse...

Encantadoramente lindo! Que honra tê-lo recebido em meu blog. O Certeza Insana é um blog bem teen, nada que vai além das complicações dessa fase que é a adolescencia! Seu blog é demais, amei mesmo! Espero recebe-lo sempre, e pode ter certeza que eu sempre estarei por aqui. Parabéns, e tudo de bom. Não deixe de manter contato, amei de verdade! Forte abraço (:

30 de outubro de 2010 09:57  
Blogger durbansweatheart disse...

thank you for inviing me! follow if you like!

mermaidnotebook.blogspot.com

30 de outubro de 2010 12:43  
Blogger Julie C. disse...

Olá, bom... eu to sem um pingo de tempo pra ler blogs, e postar no meu, hoje por acaso vi seu comentário lá, nao li esse seu post, mil perdões. Mas queria lhe agradecer pelo comentário e haha pode deixar quando minha orca tiver um filhote irei entrar em contato com voce. Obrigada pela força haha, e pode parecer estranho mas a frase que voce mencionou “Para o legítimo sonhador não há sonho frustrado, mas sim sonho em curso”
Me ajudou muito, ainda mais pelos momentos em que tenho passado. Obrigada mesmo.To seguindo seu blog aqui, assim que eu tiver um tempo, irei ler.

1 de novembro de 2010 20:35  
Blogger San disse...

Acredito que o mágico é isso podermos deixar as coisas aqui encaminhadas para partirmos em páz... adlrei seu blog bjs

4 de novembro de 2010 05:37  
Blogger jefhcardoso disse...

Mariane Oliveira, você é muito gentil. Os assuntos da adolescência são muito interessantes, compõem um universo complexo. Falaremos-nos. Forte abraço!

Durban, tanks!

Julie, você será muito bem vinda ao meu blog. Acho incrível quando uma frase, algo que criei em algum momento, encontra resposta na vida de uma pessoa que, muitas vezes, até então eu não conhecia. Aguardarei-lhe com carinho. Abraço!

San, que bom. Obrigado por sua atenção e carinho. Um grande abraço, linda!

4 de novembro de 2010 17:31  
Blogger Joana Francesa disse...

Ola meu bem! que surpresa agradavel você em minha sngela pagina, fique a vontade.. aqui estou para contemplar esse seu lindo dom de mover as palavras! amei seu texto... vou posta-lo na pagina.... "As rédeas da emoção não têm mãos fixas numa relação... firme isso, tão intenso e efemero!!!
beijos!

11 de dezembro de 2010 13:39  
Blogger Bete disse...

Bom dia Jehf!

Obrigada pelo comentário no meu blog; o Davi não será meu filho, mas em breve chegará um membro na minha família!
Seu trabalho é lindo, parabéns!!!

Bete

24 de março de 2011 06:20  

Postar um comentário

Comente. É isso que o autor espera de você, leitor.

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial