quinta-feira, agosto 12, 2010

O Amor É O Dom Supremo

Sobre o amor, de tudo que se diga, ainda resta tudo a aprender. Muitas pessoas compartilharam suas experiências, expuseram seu ponto de vista, falaram livremente e com “paixão” sobre o tema. (sorrio). Foi lindo! Sinto-me como se “Monte Castelo” da Legião Urbana estivesse dentro de mim agora. Tirei algumas conclusões até, mas a que mais me impele a falar é a que distingue amor e paixão. Estar apaixonado definitivamente não significa estar amando. São coisas que podem caminhar juntas sim, contudo são entidades distintas. Estar apaixonado não é bom, é ótimo, maravilhoso. Mas o amor é o dom supremo. E agora eu deixo de falar do amor entre casais, do qual tanto falei, e *passo a mostrar-vos um caminho sobremodo excelente. Misturo gotas de minhas palavras ao rio que transbordou de Paulo: Ainda que eu fale as línguas dos homens e dos anjos, se não tiver amor, serei como o metal que bate e retine. E nada que eu faça se aproveitará de fato. Ainda que eu tenha o dom de profetizar e conheça todos os mistérios e toda a ciência do mundo; ainda que eu tenha tamanha fé, a ponto de transportar montes, se não tiver amor, nada serei. E ainda que eu distribua todos os meus bens entre os pobres e ainda que entregue o meu próprio corpo para ser queimado, se não tiver amor, nada disso terá valor verdadeiro. O amor é paciente, é benigno; o amor não arde em ciúmes, não é orgulhoso e não humilha ninguém, não se conduz inconvenientemente, não é egoísta, não se revolta, não deseja mal. Não se alegra com a injustiça, mas alegra-se com a verdade; tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta. O amor jamais acaba; mas, havendo profecias, desaparecerão; havendo línguas, cessarão; havendo ciência, passará; porque, em parte, conhecemos e, em parte, profetizamos, mas quando, porém, vier o que é perfeito, então, o que é em parte... ah! será aniquilado. Quando eu era menino, falava como menino, sentia como menino, pensava como menino; quando cheguei a ser homem, desisti das coisas próprias de menino. Porque, agora, vemos como em espelho, obscuramente; então, veremos face a face. Agora, conheço em parte; então, conhecerei como também sou conhecido. Agora, pois, permanecem a fé, a esperança e o amor, estes três; porém o maior destes é o amor. E tudo que eu possa dizer sobre o amor, nada é comparável a este texto que Paulo escreveu à igreja de Corinto. Usei esta carta, pois não houve uma única vez que eu a lesse e não me sentisse tocado. I Coríntios 13 é isso, meus amigos; é o amor supremo. A partir do asterisco começo a expor o texto do apóstolo Paulo, permeado por pequenas adaptações que tomei a liberdade de fazer como modo de tecer a minha composição do texto. Espero que não se desagrade o leitor.

Obs. Clicando no selo do Top Blog, logo abaixo do meu perfil, e preenchendo os campos nome/email, você contribui para que este blog concorra ao Prêmio Top Blog 2010. E eu lhe agradeço grandemente.ObsII. Estou agora, trôpego e errante, no twitter. Se quiser falar comigo lá é @Jefhcardoso74

93 Comentários:

Blogger Pérola Anjos disse...

Soneto 5:

Amor é um fogo que arde sem se ver,
é ferida que dói, e não se sente;
é um contentamento descontente,
é dor que desatina sem doer.

É um não querer mais que bem querer;
é um andar solitário entre a gente;
é nunca contentar se de contente;
é um cuidar que ganha em se perder.

É querer estar preso por vontade;
é servir a quem vence, o vencedor;
é ter com quem nos mata, lealdade.

Mas como causar pode seu favor
nos corações humanos amizade,
se tão contrário a si é o mesmo Amor?

[Luis de Camões]

Jefh, e tem tradução melhor do que essa?

Este soneto de Camões e a Primeira Carta de São Paulo aos Coríntios, inspiraram o grande Renato (o Russo)em Monte Castelo, foram citados, praticamente, na íntegra. Acredito eu, que nem o Renato, como excelente letrista, conseguiu encontrar palavras mais perfeitas para definir o controverso amor.

Beijos!

12 de agosto de 2010 17:33  
Blogger Ester disse...

Meu caro Jefh!!

Sou uma assídua e fiel seguidora do seu blog e não meço palavras para falar o que penso dos seus escritos, mas tenho que abrir um grande parênteses aqui para dizer que este foi o melhor de tudo o que já li aqui, mesmo sabendo que o autor da carta tenha sido o apóstolo Paulo na sua inspiração divina. O seu mérito Jeft está em saber distinguir entre o amor humano e o amor universal, amor ágape, que uni tudo em todos e nos reconheçamos como irmãos e iguais.
Esse amor que não nos dá margens para vermos um melhores que os outros, que nivela e nos coloca do mesmo tamanho aos olhos do Pai. Um amor que encobre milhões de defeitos e deixa a mostra apenas o que ser humano tem de melhor aquilo pelo qual foi matéria prima para fazê-nos a imagem e semelhança do Criador.
Fico igualmente tocada com a leitura desse texto de coríntios 13, porque é o coração de Deus exposto aqui em tentativas de atrair-nos, nós que somos tão distraidos no dia a dia, tão romanticamente envolvidos com uma vida que passa como uma chama de vela, ou uma flor do campo que nasce de manhã e a noite já morre. Que esse texto possa morar em nossos corações como um deflagrador de coisas boas coisas que virão pela frente,

forte abraço, amigo!

12 de agosto de 2010 17:49  
Blogger HSLO disse...

Oi Jefh...o amor é o dom supremo, lindo demais esse texto. Gosto muito da sua escrita.

Obrigado pela explicação em relação ao enxerto ósseo, viu. Amanhã eu completo 01 mês de cirurgia, estou bem graças a DEUS. Dobro o joelho e aguardo a revisão médica para saber do médico se já posso voltar a fazer fisioterapia.

Ah...eu te adicionei no msn...viu.

abraços
de luz e paz

Hugo

12 de agosto de 2010 18:34  
Blogger Priscila Sant'Anna disse...

Belo texto. Agradeço por sua visita ao meu blog. Sigo lhe acompanhando, parabéns!

12 de agosto de 2010 18:42  
Blogger Sérgio Augusto Sant'Anna disse...

Sigo acompanhando seus escritos...Parabéns pela composição de seus belos textos! Obrigado pelo comentário em meu blog!

12 de agosto de 2010 18:46  
Blogger Naty Iasmin disse...

"Sem o amor, eu nada seria..."

Muito bom o texto... segue lá!

Natashe Iasmin do http://natyiasmin.blogspot.com/

12 de agosto de 2010 19:23  
Blogger Gilmar disse...

Jefh, essa passagem bíblica é mesmo maravilhosamente inspiradora. Convida, a cada um, que permita-se a si e a outro, desarmado de rancores ou suspeições, simplesmente pronto a compartilhar...

Na sua frase inicial eu diria ainda que, de tudo que se diga do amor, ainda restará tudo a ser dito!

Grande abraço!

12 de agosto de 2010 19:23  
Blogger Ava disse...

Moço! Que intensidade ao escrever sobre o amor...

Coisa que só quem ama de verdade sabe...


beijos meus!

12 de agosto de 2010 20:29  
Blogger Pat. disse...

Paixão e Amor de fato são sentimentos distintos, mas eu os conheço melhor juntos! Mesmo com toda paixão, sem Amor nada somos...

Meu carinho e admiração meu amigo!

12 de agosto de 2010 22:54  
Blogger Humana disse...

Olá Jefh,

vim agradecer a visita e comentário e conhecer o teu espaço.
Gostei muito e passo a seguir-te. A votação também está feita e desejo-te felicidades.
Li alguns textos e gostei da forma clara como expôes ideias e sentimentos.
Em relação a este texto que vem encadeado ou dar seguimento aos dois anteriores, concordo plenamente que amor é bem diferente de paixão. No entanto não sei viver sem sentir esse sentimento avassalador, pelo menos até agora... :)
O Amor é um sentimento maior com uma força extraordinária e que vence todas as barreiras, aliado a outros sentimentos que se prendem com amizade, respeito e companheirismo. Esta é a minha opinião que penso, concordas.
Vou linkar o teu blog no meu para estar sempre presente.
Beijos, Ana Casanova.

13 de agosto de 2010 04:04  
Blogger Dagmar disse...

Bom dia Jefh,

Vim agradecer sua visita ao blog e pedir desculpas pela demora em responder seu comentário! São as ocupações diárias... O sapateado perticularmente me atrai, pela sua beleza, ritmo, origem... enfim, tem uma atração pela dinâmica que apresenta. E este grupo é fantástico. O texto é apenas informativo e coletado de outras publicaões com uma finalidade de contextualizar o leitor.
Parabéns pelo seu blog. É bem diferente, lembra algo do tipo "contador de histórias".
Um grande abraço,
Dagmar

13 de agosto de 2010 04:32  
Blogger Solange disse...

É impossível chegar aqui e não me encantar com seu texto Jefh..
Esta carta de Paulo é absurdamente aniquilante..
consegue acabar com todo o mal que possamos sentir, e nos põe a refletir sobre o real motivo de convivermos com as pessoas.

bjs.Sol

13 de agosto de 2010 05:36  
Blogger Adriano B disse...

Parabéns pelo blog! Belos textos!
E Monte Castelo é uma grende música!
Obrigado por acessar meu blog.
Abraço!
Te sigo!

13 de agosto de 2010 05:57  
Blogger Dani Gomes disse...

Jefh, Jefh...
Sempre nos mostrando sua forma particular e bela de enxergar o amor! Mais uma vez obrigada!

http://omundoparachamardemeu.blogspot.com/

13 de agosto de 2010 07:55  
Anonymous Anônimo disse...

jef,amigo que esplendido trabajo,el tuyo,te felicito de corazón, a veces paso y no dejo comentario...eso no se debe hacer,con los poetas,ni narradores!
un abrazo enorme
lidia-la escriba

13 de agosto de 2010 12:08  
Blogger Corrinha Rodrigues disse...

"mas quando, porém, vier o que é perfeito, então, o que é em parte... ah! será aniquilado".
E é por esse 'perfeito' que muitos anseiam!

Adorei o blog. Mesmo não gostando dos 'blogs pretos', esse eu vou seguir. rs.

13 de agosto de 2010 15:27  
Blogger Maria Lúcia disse...

Oi
Lindo o sobre o amor.
Beijos...
Lúcia.

13 de agosto de 2010 16:18  
Blogger Roberto Blatt disse...

Peço ajuda ao Agatão!

13 de agosto de 2010 18:29  
Blogger Roberta Sobreira disse...

oi Jefh,
novamente, belíssimo... de aquecer o coração!
não tem como não seguir.
;)

13 de agosto de 2010 18:30  
Blogger jefhcardoso disse...

Pérola Anjos, Renato Russo é lindo, é poesia na música pop dos anos 80 e 90. Legal você lembrar das fontes que inspiraram o poeta letrista em sua linda composição. Assim você mais uma vez enriqueceu este lugar. O amor é a complexidade extrema do ser. Abraço!

Ester, tenho conhecido através de suas palavras a beleza ímpar de seu ser. É uma honra receber seu tão sincero elogio para esta postagem, na qual nada mais fiz que participar o que comove o meu coração. Fico feliz e me sinto compartilhando o meu próprio coração quando leio que você se comove igualmente a mim com este texto de Paulo. Que Deus reine em nossas vidas e que o amor supremo desafie todo pessimismo, fatalismo e tudo mais. Forte abraço, linda!

Hugo, que o retorno médico seja muito feliz e que a Fisioterapia possa lhe ajudar em mais esta fase, amigo. Obrigado por sua atenção, por sua carinhosa leitura, e por sua progressiva amizade, meu jovem! Grande abraço e nos falamos no MSN, meu caro.

Priscila Sant’Anna, obrigado por sua atenção e apoio! Grande abraço!

Sérgio Augusto Sant’Anna, o que você é da Priscila? (sorrio). Sou eu quem lhe agradece, amigo. Grande abraço!

Naty Iasmin, obrigado por sua atenção e por seu convite. Grande abraço!

Gilmar, é um prazer compartilhar com você este texto que vem marcando a minha vida, amigo. Obrigado por seu carinho e sua frase perfeita, Gilmar. Abraço, e conto com você!

Ava, que o amor nos mova. Abraço e muito obrigado por seu carinho!

Pat., muito obrigado, linda! Amor, paixão, paixão e amor, tudo cabe. Grande abraço!

Ana Casanova, é uma honra ser linkado por você, amiga. Concordo com sim com as suas palavras. O amor é o dom supremo. Abraço!

Dagmar, fico feliz que tenha vindo. Espero contar com outras leituras suas. Aquele vídeo é mesmo muito legal. Abraço e obrigado!

Sol, você brilha! (sorrio). Obrigado, linda! Fico feliz que minha postagem tenha lhe alcançado o coração, querida. Grande abraço!

Adriano B, obrigado por seu comentário, apoio e atenção, amigo. Conto com você. Grande abraço!

Dani Gomes, (sorrio), sou eu quem lhe agradece. Grande abraço e sucesso, linda!

Lidia, qué bueno verte. Estoy contento y halagado de que haya disfrutado mi puesto. Usted es un gran amigo. ¡Gracias!

Corrinha Rodrigues, (sorrio), que bom que a escuridão do fundo do meu blog não lhe desestimulou a ler-me. Grande abraço e obrigado por sua atenção e apoio!

Maria Lucia, beijos. Muito obrigado, linda!

Roberto Blatt, não entendi cara. Falou? Abraço!

Roberta Sobreira, que bom que não resistiu. (sorrio). Abraço e obrigado por sua atenção e apoio!

13 de agosto de 2010 18:43  
Blogger 'Lara Mello disse...

Já conhecia o texto..E acredito no amor supremo..E paixão não tem nada haver com amor!

13 de agosto de 2010 19:03  
Blogger Solange disse...

Jefh..
eu sou apenas o reflexo
de tudo o que leio e absorvo
quando entro aqui..

bjs.Sol

14 de agosto de 2010 05:59  
Blogger Anita disse...

Oi Jef, vim retribuir a visita e bisbilhotar por aqui, perdi as horas rsrsrsrrss vou voltar pra ler mais, gostei!
Falar de amor é sempre bem vindo, ainda mais nos dias de hoje onde parece que isso se perdeu.
Tenho orgulho de dizer que fui mãe aos 16 anos, porque todos diziam que eu tinha um futuro pela frente e que estar grávida seria a minha ruína. Na verdade foi quando comecei a viver!

Fiquei honrada pela tua visita.

Abraços.

14 de agosto de 2010 07:14  
Blogger Anita disse...

Ah propósito, também sou Cardoso hehe vamos verificar nossa árvore genealógica :D

14 de agosto de 2010 07:17  
Blogger Dóris disse...

Oi Jefh.
O amor é mesmo um dom supremo.
Somente o verdadeiro amor liberta e compartilha ao mesmo tempo.

Abraço

14 de agosto de 2010 11:18  
Blogger Mih disse...

Boa tarde! Obrigada pelo comentário em meu blog! Fico agradecida! Adorei este teu escrito e lerei mais... vou me casar e te digo - realmente o amor é o maior dom q podemos possuir. O amor nos transmuta, transcede! Que maravilha de texto! parabéns....

Já estou seguindo o blog!

Abç...

Mi

14 de agosto de 2010 12:50  
Blogger Filha do Sol do Equador. disse...

a-d-o-r-e-i!!!!

abraço!

14 de agosto de 2010 16:59  
Blogger Patrícia Lara disse...

Olá.

Cheguei ao seu blogue por meio do blogue da Sheila. Adorei tudo por aqui!

O texto, meu Deus! Nem preciso dizer que é maravilhoso, né?

A parte ruim é que lendo-o dei por mim que se o amor é de fato assim, eu nunca amei então: "O amor é paciente, é benigno; o amor não arde em ciúmes, não é orgulhoso e não humilha ninguém, não se conduz inconvenientemente, não é egoísta, não se revolta, não deseja mal."

Que difícil é amar!
Belo texto, querido... me fez pensar bastante.

Beijos,
Patrícia Lara

14 de agosto de 2010 17:13  
Blogger Sheila S.S. disse...

Olá, Jefh! Primeiramente, agradecer sua visita em meu espaço. Também dizer que não me surpreendo com o sucesso do seu blog. Lindo post! Abço

14 de agosto de 2010 17:39  
Blogger Amanda Trindade disse...

Vi seu comentário lá no meu blog, e vim conferir o seu....
e adorei, simplesmente!
:*

14 de agosto de 2010 18:23  
Blogger Márcia Luz disse...

Amor é mesmo tema universal. Obrigada por essa linda reflexão!

Um grande abraço.

14 de agosto de 2010 18:36  
Blogger Isa disse...

Parabéns pelo seu blog !!!
Lindas palavras que enchem a alma de paz e amor !
Um domingo iluminado !
Beijos

15 de agosto de 2010 03:28  
Blogger Flor de Lótus disse...

OiJefh!O amor é um sentimento tão nobre,mas que parece estar tão esquecido nesse mundo tão louco em que vivemos, onde numa simples briga de trânsito as pessoas se matam.Falta amor no mundo, até porque muita gente acabou banalizando essa palavra, falando eu te amo como se fosse um simples bom dia.Mas é claro que existem as exceções as pessoas que acreditam e vivem uma vida de amor e doação, pois amar é doar um pouco ou muito de si ao outro.
Beijoss

15 de agosto de 2010 04:32  
Blogger glєвѕσn Dllιмα disse...

Amor sentimento jamais traduzido ainda que por belíssimas palavras se faça o ouvir ainda assim não saberíamos explica-lo.

Adorei teu blog, forte abraço!

15 de agosto de 2010 06:05  
Blogger Laari disse...

olá, Eu fiquei muito Feliz recebendo seu comentário !! =). Muito bom o Texto.. e eu votei em vc . Parabens pelo seu Dom com as palavras .
Bjnhoos:*

15 de agosto de 2010 06:29  
Blogger Beeta disse...

Jefh,
Gostei muito do seu blog, desculpe-me a demora para responder, mas como eu estava viajando era muito complicado ficar postando nos meus blogs,
Seu texto é realmente reflexivo, eu considero o amor algo tão sublime, superior, que esse Dom de amar, imagino eu , não é para todos, feliz de quem tenha esse Dom, e você deve ter por repassa-lo de forma tão sublime!
beijos

15 de agosto de 2010 07:08  
Blogger Camila Paier disse...

Amor e paixão são realmente muito diferentes. Contudo, acredito que a principal distinção seja quanto à durabilidade, tempo e paciência, para transformar uma tórrida paixão, em amor.
Beijoca!

15 de agosto de 2010 12:16  
Blogger Anita disse...

Oii, voltei :D
Sim, estamos casados e temos mais uma filha - se chama Amanda.
Meu Cardoso também é de Portugal, por parte do meu avô materno. Mas, sinceramente não sei dizer quem foi o primeiro a vir para o Brasil rsrsrsrs porque meu avô faleceu quando eu tinha 12 anos e antes disso eu não me interessava por este assunto. Uma pena, devia ter perguntado à ele.
Mas agora eu fiquei empolgada, vou lá minha mãe ver se ela guarda algum documento, fotos... coisas que possam me levar ao início.

Abraços.

15 de agosto de 2010 19:08  
Blogger Thais Luquez disse...

Desculpa pela demora, mas só tomei coragem de postar agora hahahaha. Enfim, obrigada pelos comentários e parabéns, você tem o dom.. escreve muito bem! beijos

Estou te seguindo!

15 de agosto de 2010 20:10  
Blogger flah ;) disse...

retribuindo a visita e ja to seguindo tbm. xD

lindo texto!

beijoes! =**

16 de agosto de 2010 03:59  
Anonymous Anônimo disse...

Na Bíblia diz que o amor de muitos com o passar do temo se esfriará.
E assim está se cumprindo as escrituras.
O amor não é pra qualquer um, somente quem tem o toque de Deus na vida esse sim sentirá e dará um amor verdadeiro.

Um beijo querido, boa semana !

16 de agosto de 2010 05:37  
Blogger Leonardo Silva disse...

Voce arrebenta nas suas postagens. Muitas musicas da Legião Urbana estão na minha alma.

16 de agosto de 2010 08:34  
Anonymous euricojr disse...

Da forma como é dita, e desta maneira, nosso top em literatura, em nos mostrar, a verdadeira, condição e a real situação de como é como pode ser o amor, o que dizer obrigado por este belo e ótimo texto, tenho muito orgulho de fazer de certa forma parte da vida deste, otimo e verdadeiro escritor e que logo, esperamos ver seus otimos texto, em todas livrarias do todo este brasil, que passa a ser cada vez, maior a cada conhecimento por aqui tomados, somente agradeço e sempre pedindo para que ilumine sempre para postar otimas obras como mas esta obrigado Doutor.

16 de agosto de 2010 10:39  
Blogger Batom e poesias disse...

Entenda-se por amor, a caridade.
Esse é um dos textos mais bonitos da bíblia.

Agora, vejo em partes...

bj
Rossana

16 de agosto de 2010 12:13  
Blogger Wevertton disse...

Ola amigo, e ai... gostando do Twitter? (rsrs)
Abraços, passe la depois ;DD

16 de agosto de 2010 12:13  
Blogger Rodrigo Braga disse...

É com um certo atraso que visito sua morada virtual e confesso que fiquei feliz com a surpresa de um texto tão bom.

passe lá na minha:

www.sambasuburbano.blogspot.com

Abs

16 de agosto de 2010 12:46  
Blogger ValeriaC disse...

Jefh, vim agradecer sua visita, suas amáveis palavras no meu Blog e também te conhecer...muito lindas suas palavras...assim como você vejo como bem diferentes a paixão e o amor...paixão é como uma loucura...como um vício, por mais deliciosa que seja, se não vier acompanhada do discernimento do amor, provavelmente fará mais mal do que bem...já o Amor...é calmo...faz bem, nos leva a crescer...é algo maravilhoso a ser cultivado seja a dois ou pelo próximo, pelo universo...por Deus...
Tenha uma linda semana!
Um abraço
Valéria

16 de agosto de 2010 13:27  
Blogger legalmente loira... disse...

querido amigo jefh,
super feliz com os seus correndinhos faz toda a diferença.
aprecio muito suas opiniões.
nossa que encanto...seu texto...
saio daqui de alma mais leve

Uma semana cheia de luz pra você

beijos

16 de agosto de 2010 13:39  
Anonymous Antonio César disse...

"Quando eu era menino, falava como menino, sentia como menino, pensava como menino": Isto é nostalgico. Muito bom.

16 de agosto de 2010 15:10  
Blogger jefhcardoso disse...

Lara Mello, tudo à ver, tudo verdade. Abraço!

Solange, isso é forte demais. Você é linda e adora me agradar. (sorrio). Muito obrigado!

Anita, lindo o que compartilhou sobre sua vida! Muito obrigado! O futuro é agora e nossa vida somos nós quem escreve; todos os dias. Abraço e honra minha ter lhe recebido! Quem sabe não sejamos parentes. O meu Cardoso veio de Portugal com meu avô Ernesto. (sorrio). E o seu?

Dóris, desejo todo o amor do mundo para a sua vida. Obrigado por seu cuidado em vir marcar sua presença aqui. Grande abraço! Você é linda!

Mih, felicidades para você. Que seu casamento seja feliz na alegria e na tristeza, saudável na saúde e na doença! Abraço e obrigado!

FilhadoSoldoEquador, obrigado! Fico feliz. (sorrio). Abraço!

Patrícia Lara, deste modo que o texto define o amor, eu creio que somente Jesus nos tenha amado assim. Para nós resta apenas amar da maneira mais sincera possível. Abraço e muito obrigado!

Sheila S.S., muito obrigado por suas gentis palavras. Conto com você. Grande abraço!

Amanda Trindade, você é muito atenciosa. Obrigado! Grande abraço!

Márcio Luz, sou eu quem agradece por sua atenção, amigo. Grande abraço!

Isa, muito obrigado! Uma semana inteira de luz para você, linda. Grande abraço!

For de Lótus, você está com a razão. Banalizaram total. Vai chegar o dia em que amar será algo piegas. Obrigado por compartilhar aqui. Grande abraço!

Glebson Dllima, é tudo verdade. Grande abraço e obrigado por compartilhar aqui!

Laari, obrigado por sua atenção! Você é muito gentil. Abraço!

Beeta, deste modo que o texto define o amor, eu creio que somente Jesus nos tenha amado assim. Obrigado por vir. Grande abraço!

Camila Paier, falou com autoridade. Pensarei muito em suas palavras. Obrigado por compartilhar aqui. Grande abraço! (sorrio).

Anita, que legal! Você pode conseguir até dupla nacionalidade. Abraço e obrigado por vir!

Thais Luquez, você é muito gentil. Obrigado por sua atenção e apoio. Conto com você. Abraço!

flah ;) , que bom que gostou. Obrigado por seu apoio. Abraço!

dear Sarah, sim. É verdade, infelizmente o amor no mundo se esfria cada vez mais. Abraço, obrigado e boa semana também!

Leonardo Silva, que bom essa identificação. Isso é muito gratificante. Obrigado, amigo. Um grande abraço!

Zé Eurico, sou eu quem lhe agradece pelo carinho e atenção para com meus textos, amigo. Muito obrigado e conto com você. Abraço!

Rossana, que bom que você também gosta. Eu concordo com você, é mesmo um dos mais lindos. Abraço e obrigado por sua atenção, linda!

Wevertton, achei o twitter fantástico. Não estou me saindo muito bem, mas vou aprendendo. [sorrio]. O twitter é meio que o filho do meu blog. Abraço e muito obrigado, amigo!

Rodrigo Braga, obrigado por vir, obrigado também pelo convite. Será um prazer. Abraço!

ValeriaC, linda. Muito obrigado por compartilhar aqui. Concordo com o que disse. Tenha também uma ótima semana. Grande abraço!

Rita, que bom que gostou. Espero que sua semana seja toda iluminada. Grande abraço e continuo grato sempre. Até, que seja breve!

Antonio César, essa é um dos versos que mais me toca nesta carta de Paulo. Abraço e muito obrigado por sua atenção!

16 de agosto de 2010 16:10  
Blogger Ana Carolina Garrana disse...

Adoreeeeei o post !
http://creusa-vaidosa.blogspot.com/

16 de agosto de 2010 17:30  
Anonymous Andreia Sieczko disse...

Oi, Adorei seu blog. Estou te seguindo. Obrigada pela visita na minha página!

16 de agosto de 2010 17:59  
Blogger Amanda Arrais disse...

"É só o amor, é só o amor
Que conhece o que é verdade"

Concordo plenamente. Acho que aquele que não sabe diferenciar o amor da paixão, é aquele que nunca amou. Lindo teu texto.

=*

16 de agosto de 2010 20:17  
Blogger Diogo S.Campos disse...

Nunca nos cansamos de escrever sobre o amor, e por mais que continuemos jamais pensaremos ter escrito o bastante.

Jefh,
Passei para agradecer pela visita e pelo comentário lá no meu espaço
diogoninguem.blogspot.com
e dizer que é sempre bem vindo,
estarei passando por aqui sempre.

Um grande abraço e parabéns pelo blog, um ótimo trabalho.

16 de agosto de 2010 21:42  
Blogger Caxias do Surf disse...

Quem usa a alma para escrever, sem duvida alguma tem o coração aberto e a mente iluminada!!

Parabéns ótima reflexão!!

17 de agosto de 2010 07:49  
Blogger Fátima disse...

Camões, Renato Russo e Jefh Cardoso, unidos por Paulo aos Corintos, fantástico meu querido.
Quem sou eu então para não concordar total e plenamente!
Assinado sem restrições.

Beijo com carinho.

17 de agosto de 2010 09:53  
Blogger Guilherme Fraga disse...

Olha eu aqui novamente..

Bem pelo contrario amigo,suas pequenas adaptações, me agradou muito.
Tentamos descrever o amor, as vezes conseguimos.. mais sempre falta algo, pois ele nasceu para ser sentido. E ao ler seu texto pude sentir suas palavras "adaptadas" sobre o amor.

Muito bom,
Parabéns mais uma vez pelo excelente texto.

Te seguindo(não sei pq ainda não tinha feito isso).
Abraço.

17 de agosto de 2010 11:54  
Blogger Larissa Tenório disse...

Adoro seu jeito de escrever. Foram lindas essas postagens sobre o amor. Parabéns!
Visitem o meu blog: http://larissatenorio.blogspot.com
beeeijos

17 de agosto de 2010 17:46  
Blogger Larissa Tenório disse...

aaah, sou fã da carta aos Coríntios. Sugiro a carta aos Filipenses 1,3-11;essa passagem também é linda! :)

17 de agosto de 2010 17:49  
Anonymous Anônimo disse...

Olá, passando para retribuir sua visita, maravilhoso seu blog, tb adoro poesia.

Abraçossss

18 de agosto de 2010 08:22  
Blogger BB disse...

Un bello aire sacudió mi cuerpo al leerte.

Un abrazo
BB

18 de agosto de 2010 09:05  
Blogger BB disse...

Bello como siempre..

Un abrazo
BB

18 de agosto de 2010 09:26  
Anonymous Anônimo disse...

Olá Jefh,
Muito lindo o texto. Para mim, a essência está aqui: "Ainda que eu fale as línguas dos homens e dos anjos, se não tiver amor, serei como o metal que bate e retine. E nada que eu faça se aproveitará de fato". Esse é o norte e é por aqui que devemos caminhar. Bjssssssss

18 de agosto de 2010 11:57  
Blogger Vanessa Monique disse...

Obrigada pela visita.
Vim aki retribuir.
Sobre o amor realmente é um dom supremo.
Deus é qm nos ama verdadeiramente.

Eu te peço um favor,pra vc votar no meu blog no concurso q estou participando, é só clikr no logo q está na postagem ou na lateral.

Obrigada
@vanimonique
:*

18 de agosto de 2010 13:05  
Blogger Deni Maciel disse...

ótimas palavras.
o amor textualizade de uma esplendida e sentimental maneira.
parabens.


abraços
obrigado por tudo
e feliz dia da planta carnívora
herbívora...regime for all neh xD
atééé *-*

18 de agosto de 2010 19:38  
Blogger legalmente loira... disse...

querido jefh, bom dia!!
Amo cada detalhe desse Blog. As postagens, as fotos... é tudo tão bem escolhido, tão agradável.

Aguardo sempre ansiosa por suas atualizações. :)

Um abraço bem grande. :*

18 de agosto de 2010 22:22  
Blogger Mallu Maia disse...

Olá Jefh,
Adorei! Você tem uma ótima escrita e uma grande sensibilidade. Coríntios 13... me movimenta, me mantém conectada à minha essência humana... me fez lembrar de Moraes...

"De tudo, ao meu amor serei atento
Antes, e com tal zelo, e sempre, e tanto
Que mesmo em face do maior encanto
Dele se encante mais meu pensamento

Quero vivê-lo em cada vão momento
E em seu louvor hei de espalhar meu canto
E rir meu riso e derramar meu pranto
Ao seu pesar ou seu contentamento

E assim quando mais tarde me procure
Quem sabe a morte, angústia de quem vive
Quem sabe a solidão, fim de quem ama

Eu possa me dizer do amor (que tive):
Que não seja imortal, posto que é chama
Mas que seja infinito enquanto dure."

(Vinícius de Moraes - Soneto de Fidelidade)

Abraços,

Mallu

19 de agosto de 2010 07:22  
Blogger Talita do Vale disse...

"Usei esta carta, pois não houve uma única vez que eu a lesse e não me sentisse tocado."
Somos 2

não há texto que expresse melhor o Amor que esse.

Qd era criança pensava que o Renato Russo que tinha feito... hehe.
Achava (e acho) uma perfeição de texto.

19 de agosto de 2010 07:54  
Blogger Pipa. Agora eu era o herói. disse...

A poetiza Ziris já dizia:

"Cada palavra que se completa no papel, uma peça que faltava cola novamente ao coração."

Pensei nisto, depois de ler o seu texto.


Um abraço poético.

19 de agosto de 2010 13:25  
Anonymous Anônimo disse...

Meu amigo, toda forma de amor é louvável, bem vindo, e mais que nescessário!
Porém há formas de amar, que acabam por matar o próprio amor!
Há que se buscar no entanto, o Amor Ágape, tão pregado pelo grande apóstolo. Esse amor que não tiraniza, que não é egocêntrico, e que respeita seu semelhante.
E quando esse amor é mesclado com o amor à quem amamos, acredito que fecha-se um círculo da mais pura essência divina.
Pois o amor Ágape, dilacera toda rusga, todo ciúme, toda contenda.
Parabéns pelo texto, um abraço.

19 de agosto de 2010 15:00  
Anonymous Ebrael disse...

Só quando conseguimos nos abster do amor egóico que nos traz a Paixão, é que conseguimos meio que recuperar a noção de Amor Universal, Amor pelo Todo, uma pequena pontinha miniaturizada do Amor que pulsou e pulsa sem cessar do Coração do Universo, onde Tudo verte-se em uma Fonte de Água Viva e fresca!!

Abçs!

20 de agosto de 2010 09:51  
Anonymous Anônimo disse...

Oi!

Maravilhoso texto, estar aqui é sempre um momento de reflexão, emocionante!

Obrigada p/ visita, beijos!

22 de agosto de 2010 16:51  
Blogger .Sté. disse...

Adoro esse capítulo.
Obrigada pela visita

23 de agosto de 2010 10:53  
Blogger jefhcardoso disse...

Ana Carolina Garrana, que bom que gostou! Visitarei. Abraço!

Andréia Sieczko, obrigado por sua atenção e apoio. Grande abraço!

Amanda Arrais, o que você é do saudoso Pai Arraia? [sorrio] Obrigado por seu carinho e atenção. O que disse é tudo verdade. Abraço!

Diogo S. Campos, foi um prazer estar em seu blog. Você é muito gentil e atencioso. Venha sempre, amigo. Grande abraço!

Caxias do Surf, muito obrigado. Muito bom isso: coração aberto e a mente iluminada. Abraço!

Fátima, você é muito linda e gentil para com meus textos. Quero mais de sua atenção sempre. Abraço e que seus dias sejam sempre mágicos!

Guilherme Fraga, que bom que aprovou o meu trabalho. Que bom que quer ficar aqui. Minha responsabilidade cresce a cada dia que sou lido. Agradeço por isso. Grande abraço!

Larissa Tenório, visitarei o seu blog com o maior prazer. Obrigado pela sugestão de Filipenses, irei conferir. Abraço!

Juliana, fico feliz que tenha gostado. Poesia é tempero para a vida. Abraço!

BB, muchas gracias!

Marliborges, concordo demais com você. Obrigado e abraço!

Vanessa Monique, sou eu quem lhe agradece. Pode deixar que irei para votar sim. Abraço!

Deni Maciel, dia da planta carnívora herbívora? Essa planta é humana? [sorrio]. Obrigado! Feliz dia para você também!

Rita, Rita, Rita... Você sempre me agradando. Que bom que gostou. Já estou com outra. Dessa vez me atrasei com as respostas. Abraço e muito obrigado. Obs. conto com sua leitura. [sorrio].

Mallu Maia, minha nossa! Que sorte a minha em lhe fazer lembrar Vinícius. Ganhei este lindo poema para deleitar-me nessa hora sagrada de descanso. Muito obrigado, linda. Abração!

Talita do Vale, eu não era criança naquela época. [sorrio]. Sempre soube. Talita, obrigado por seu carinho e atenção. Fico muito feliz que tenhamos o apreço por este texto comungado. Abraço!

Pipa, que coisa linda! É por essas e por outras que amo estar aqui. Grande abraço!

Vozes de Minha Alma, muito bem mencionado! Já assisti a pregações sobre o Amor Ágape, e é tudo isso mesmo. Tem mesmo tudo haver com a minha intenção. Obrigado por tornar mais completa esta postagem. Grande abraço!

Ebrael, sempre forte, emocionante e contundente as tuas palavras. E que viva eternamente em nossos corações o amor compartilhado! Abraço, amigo, e muito obrigado!

Maria Catherine, obrigado por seu carinho. Fico muito feliz que tenha gostado. Um grande abraço e conto com você.

.Sté. , que bom! Sou eu quem lhe agradece. Um grande abraço!

23 de agosto de 2010 16:23  
Blogger ♪ Nadine. disse...

O texto é perfeito, concordo com cada palavra.

Obrigada pela visita, adorei o seu blog e vou te seguir.

Beijo.
E que seja amor.

25 de agosto de 2010 15:56  
Blogger Vanessa Souza Moraes disse...

O amor é universal.

E cada amor é único.

26 de agosto de 2010 07:29  
Blogger Celinha disse...

Já escrevi sobre essa música, mas lendo sua postagem, a minha ficou tão infantil, kkk, olha tenho muito orgulho de ter vc na lista de pessoas que seguem meu blog... bjs e super abraço. aaaahh votei e estou participando do concurso "Eu vivo + sustentavel" vamos torcer...

6 de setembro de 2010 18:49  
Anonymous Anônimo disse...

Obrigada pelo elogio ao meu texto sobre os escorpiões.
Obrigada por ter me visitado e me oferecer o prazer de ler esse texto adaptado que vc construiu com louvor, sobre a carta de Paulo.
Tornei sua seguidora e gostaria demais, que vc opinasse sobre os meus textos iniciais.
Comecei agora... na novidade do mundo dos blog's.
Beijos!

7 de setembro de 2010 09:46  
Blogger A Cegonha já chegou disse...

amei este testo pois sei que está na bíblia pois sou evangélica e estava comentando com meu marido o mundo sem amor é como um barco sem rumo eu amo porriso vivo quem não ama, não vive vegeta parabêns pelo poste e obrigado pela visita bjus!!!!

18 de setembro de 2010 19:56  
Anonymous ALINE disse...

O amor é paciente, é benigno; o amor não arde em ciúmes, não é orgulhoso e não humilha ninguém, não se conduz inconvenientemente, não é egoísta, não se revolta, não deseja mal. Não se alegra com a injustiça, mas alegra-se com a verdade; tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta. O amor jamais acaba;

PERFEITO!!
AMEI SEU BLOG. PARABÉNS!!!

27 de dezembro de 2010 13:05  
Blogger Jefhcardoso disse...

Nadine, obrigado por sua atenção e carinho! E que só seja amor. [sorrio]. Abraço!

Vanessa Souza Moraes, sim. O amor é tudo. Abraço e obrigado!

Celinha, eu sigo a todos e a nenhum. Visito todo mundo que vem aqui e deixa algo de si. É um prazer estar lhe recebendo novamente. Fico feliz que tenha gostado do meu texto, e digo que todo texto tem seu apreço. Muito obrigado por sua atenção e apoio! Estarei torcendo por você, que é muito simpática. Abraço!

Denise Gattolin, sou eu quem agradece por sua atenção e generoso comentário. Obrigado pelo apoio, e será um grande prazer ir ao seu blog para ler mais textos. Abraço!

ACegonhajáchegou, eu gosto muito deste texto. Ele sempre me comove. Eu sempre quis escrever algo sobre ele. Aconteceu. Também tenho a minha fé, sou presbiteriano e acredito que o amor é o sal da vida. Abraço pra você e para o seu marido, e obrigado por sua atenção e apoio. Até!

Aline, fico muito feliz que tenha gostado. Espero receber outros comentários de sua parte. Um grande abraço! Obrigado!

27 de dezembro de 2010 14:40  
Blogger GRUPO ABTA disse...

estou aqui primeiramente para lhe dizer que estar parabéns pela palavra do texto de paulo aos coríntios"AMOR É UMA GRANDE VIRTUDE QUE DEUS NOS DEU" que você interpretou muito bem. a palavra fala:"E Jesus respondeu-lhe: O primeiro de todos os mandamentos é: Amarás,pois,ao senhor teu DEUS de todo teu de de toda tua alma e amarás o teu próximo como a ti mesmo" O senhor nos pede para AMAR .Isso mostra que o amor é uma virtude divina dada por DEUS. Que DEUS faça você um homem abençoado .

10 de janeiro de 2011 04:26  
Blogger Carla Muniz disse...

è cheguei aqui por uma amiga Veronica é olha acabei me apaixonando ...você é maravilhoso espero ser assim um dia ...

25 de janeiro de 2011 18:25  
Blogger Jefhcardoso disse...

Willian, obrigado por sua atenção muito especial, amigo. Grande abraço! E que Deus esteja conosco o tempo inteiro. Até breve!

Carla Muniz, obrigado por seu generoso comentário! Você é muito gentil. Grande abraço, linda!

27 de janeiro de 2011 16:21  
Blogger Perola disse...

Eu tenho tanto para aprender meu querido.
Sou uma simples mortal,será que um dia eu hei de alcançar a perfeição desse amor tão sublime?
Muito lindo seu texto.
Beijokas.
Subindo snif snif,me emocionei ñ tenho culpa.

17 de março de 2011 16:35  
Blogger Ma Ferreira disse...

Corintiuns 13..sempre toca meu coração. Salmo 23 então...

"Entender o amor verdadeiro é conhecer o amor de Deus: Um Oceano que toca a terra, mesmo que não haja ninguém navegando em suas águas. O amor verdadeiro ultrapassa todas as diferenças percebidas pelo nosso sentido e toca direto ao coração, a parte mais valiosa e indefinível do ser humano. É para todos, não há hierarquia nem status. Sentimento puro, sem qquer objetivo ou julgamento. Amor que da tempo para a amizade crescer mesmo com todos altos e baixos."
Texto tirado da paz de Todo dia, do Brahma

Kumaris.

Obrigada pelo doce comentario que vc deixou em meu blog. Realmente eu sou iluminada. Tenho a sorte de atrair boas pessoas ao meu convivio. mesmo que virtual.
É como a história do Vaga-Lume..que passou seu brilho a estrela deixando-a mais iluminada e ela..retribuiu....Olhe para o céu!
esta mais brilhante, esta mais radiante.

Muito obrigada pela sugestão que vc mencionou em meu blog. Tenho tanto a contar.
Vou seguir a sua sugestão.

Meu amigo Jefh..Um domingo iluminado pra vc!!

Ma Ferreira

9 de abril de 2011 19:35  
Blogger Nyce Pinto. disse...

Bom dia querido amigo...é muito bom "beber" o que você escreve...sacia a sede espiritual de todos os seus seguidores! Essa mensagem é bela, completa! Me foi apresentado o maior dos livros, a Biblia Sagrada, aos 7 anos, meu avô (por quem fui criada até os 9 anos)e minha avó, tinham esse cuidado, criaturas simples e sem religião mas, uma religiosidade que auxiliam na minha vida até hoje...Agora sigo a Doutrina Espírita, estudo a codificação e pauto minha existência terrena, tão fugaz, relacionadade a vida imortal do espírito, nos ensinamentos dos invisíveis... Mas nunca abandonei a leitura do livro sagrado...sou muito "amiga" do "Lucas"(sorrio) suas colocações me tocam, ele é terno, meigo no que transcreve, lembrando nosso Mestre Jesus... Tenho profunda admiração por Paulo de Tarso, ou Saulo de Tarso antes da tomada de consciência em relação ao Nazareno, leio Mateus, embora em algumas frases eu tenha com ele algumas "broncas" pois, na minha humilde opinião, ele é um tanto "duro"...mas é precioso!
Não sei se vc acredita, mas isso em nada muda... O respeito pela crença dos outros é fundamental...Meu lindo amigo se um dia você tiver curiosidade (e tempo) sugiro o Livro Paulo e Estevão, pelo espírito Emmanuel, psicográfia do Chico xavier...Contada (por ele mesmo) a história de suas existências terrenas! Senão gostar, delete o que disse, apenas um sugestão...AMEI SUA MENSAGEM E JÁ ESTOU AMANDO VOCÊ AMIGO, POR DIVIDIR COM TANTO CARINHO O QUE SABE! Abração e até amanhã...

15 de junho de 2011 06:09  
Blogger Artes da Euli disse...

Olá! Boa tarde!
Concordo em gênero,número e grau!
O texto bíblico que vc citou,é realmente tocante! Acredito que o amor é dom supremo! Por que somos capazes de um sentimento tão bonito,profundo e NESCESSÁRIO!
Sem amor,o mundo seria um tanto quanto ruim,apesar de sabermos que alguns milhares de SERES HUMANOS,que possuem apenas o AMOR PRÓPRIO! Ao invés de dividí-lo com tantas pessoas ao seu redor!
Creio no amor quando este é incondicional,que não haja Nescessidade de trocas,para que seja amado! Assim como mães!! O filho nada mais é que uma continuidade de amor e que quando ele(filhos) exitem, o amor se multiplica,se transfoma num sentimento ainda maior,visto que é de tamanha superioridade que a mãe é capaz de doar-se,entregar sua própria vida para que o filho viva,exista! Simplesmente pelo amor que há entre ela e o ser que gerou. O filho!

Abços

31 de julho de 2011 10:31  
Blogger Nyce Pinto. disse...

Querido amigo jefh, voltei nesta linda mensagem, por ter certeza que o Dia dos Pais é um dia de muito amor...e como o AMOR É O DOM SUPREMO... que você sinta mais do que nunca esse amor de todos os que te seguem, te admiram, amigos, familiares em especial dos teus filhos amados...Carinho e FELIZ DIA DOS PAIS!!!"O amor é paciente, é benigno; o amor não arde em ciúmes, não é orgulhoso e não humilha ninguém, não se conduz inconvenientemente, não é egoísta, não se revolta, não deseja mal. Não se alegra com a injustiça, mas alegra-se com a verdade; tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta. O amor jamais acaba..."

13 de agosto de 2011 07:28  
Blogger N.M.Lima disse...

Para ser poeta, há que se ter antes de mais nada um coração apaixonado, apaixonado pela vida, pela beleza, pelas palavras, pelo próprio amor. E você tem que ter alma de pássaro, tem que saber voar, tem que saber planar sobre o céu dos pensamentos, dos sentimentos dos sentidos. Revirar o baú das palavras e construir com ternura e muita imaginação, pequenas frases e rimas, e aí erigir sobre essa base um texto harmonioso e belo, que faça, assim com que outros sintam o mesmo prazer que você sentiu na construção...e que ele possa voar como você voou entre os sentimentos entre os pensamentos, e que seus sentidos sejam tocados.
Deus é o maior poeta do Universo, suas poesias estão escritas na beleza de suas criações....
Desculpe a demora.
Obrigado amigo, por suas palavras sempre tão gentis.

11 de abril de 2012 08:23  
Blogger N.M.Lima disse...

O amor nunca falha

11 de abril de 2012 08:24  
Blogger Emanuel Ferreira disse...

Tio, ja votei pro teu blog

11 de abril de 2012 15:43  
Blogger ClaudiaSilva disse...

Olá! Fico muito contente que tenha gostado do meu blog. Dei uma visita leve ao seu e não pude deixar passar este seu post sem o ler por completo. Gostei imenso do que escreveu e por serem palavras tão sábias e tão completas quando se fala de amor.

22 de agosto de 2012 15:05  

Postar um comentário

Comente. É isso que o autor espera de você, leitor.

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial